CLASSIFICADOS
Página Inicial » Artigos » Por dentro do galinheiro: 30 tipos de cantos diferentes, 5 coisas que você não sabia sobre as galinhas
Curso de gestão de pastagens, planejamento e manejo da teoria à prática, aprenda o método PDCA
galinha de oculos escuroes

Por dentro do galinheiro: 30 tipos de cantos diferentes, 5 coisas que você não sabia sobre as galinhas

Com toda certeza os números da pecuária são bem maiores que os dos criadores de frangos e galinhas e não existe nenhum estudo detalhado sobre o comportamento das galinhas. Em 2004, as galinhas tornaram-se a primeira ave a ter seu genoma completo sequenciado, desde então houveram várias pesquisas sobre elas, bem como os seus comportamentos sociais e até mesmo suas dimensões psicológicas. Os cientistas determinaram que eles são mais espertos do que crianças e o comportamento de comunicação são parecidos com primatas.

Sem mais delongas, vamos falar sobre elas que são bem que fornecedoras de ovos para nosso café da manhã e carne de peito para você que tá fazendo aquela dieta perfeita sem carnes vermelhas elas são seres sencientes com vida própria. Então, se você nunca pensou sobre o que as galinhas pode estar pensando, aqui vai um pouco sobre elas.

galinhas curiosas

1 – Como eles se comunicam?

O cacarejo não é aleatório, cada ave tem uma linguagem própria. Especialistas dizem que, além de dizer “cacarejar” galinhas podem gritar e alertar seus companheiros do perigo. E a partir dessas sílabas básicas, galinhas são capazes de, pelo menos, 30 chamadas diferentes, que vão desde “ei, eu encontrei um monte de gafanhotos” para “te vejo mais tarde, vou ali botar um ovo” e até “vem aqui, seu galo lindo!” as outras chamados são uma resposta ao estresse, que variam entre aqueles que alertam para uma ave de rapina circulando acima e predadores que o ataque a partir do solo, como raposas. Galinhas começar a falar com seus filhotes em tons suaves enquanto eles ainda estão no ovo que podem ouvi-las à partir da casca do ovo.

2 – As galinhas tem sentimento?

Sim, diz o pesquisador o britânico Jo Edgar dono da pesquisa, que determinou que as galinhas, pelo menos, elas experimentam a empatia uma pelas outras, e podemos constatar isso pois elas no terreiro andam em bandos separados. Ele desenvolveu um experimento causando o estresse simulado nas galinhas e descobriu que as galinhas mães comportavam-se diferente quando apresentavam algum risco para as suas proles (pintinhos). Galinhas também são conhecidos por apresentar um comportamento de luto quando outra galinha no galinheiro morre, elas mostraram sinais de depressão quando um indivíduo do grupo foi removido do bando e colocados em quartos solitários.

3 – Com o que as galinhas sonham?

Nós não sabemos exatamente, mas que elas sonham temos certeza absoluta. Junto com os seres humanos e outros mamíferos, aves (todos os pássaros, realmente) tem uma fase REM do sono (O sono R.E.M., ou Rapid Eye Movement (“movimento rápido dos olhos”), é a fase do sono na qual ocorrem os sonhos mais vívidos). Nós gostaríamos de presumir que a maioria de seus sonhos estão cheios de imagens e emoções de suas vidas diárias, assim como os nossos são, talvez, intercalados por sonhos ocasionais que geram aspirações de voar como uma águia (galinhas só pode voar por alguns segundos de cada vez).

As galinhas têm outra fase do sono que os humanos não possuem, no entanto, existe uma fase chamada de USWS (unihemispheric slow-wave sleep), em que uma metade do cérebro está em repouso, enquanto a outra metade está acordado. É por isso que as galinhas podem ser vistos dormir com um olho aberto e um olho fechado, uma adaptação evolutiva que lhes permite manter o relógio para predadores enquanto estão cochilando.

4 – O que faz um galo ser sexy?

Existem alguns critérios importantes para serem avaliados. Tamanho e força são importantes, como os galos mais poderosas têm um posto mais alto na hierarquia, e são, portanto, capaz de fornecer mais alimentos para o seu harém de fêmeas. O tamanho, cor, peito carnudo e avermelhado, crista e esporas tornam-se fatores importantes também, assim como sua barbela, a carne vermelha pendurada sob seus queixos. Maior e mais vermelho é melhor em ambos os casos. Fornecimento de alimentos, crista do galo, todos entram em jogo durante a dança de acasalamento, que é chamado de “poder de sedução”, onde o galo enche o peito e se possível expulsa qualquer intruso que possa oferecer perigo à ele na hora do acasalamento. Ainda assim rola uma promiscuidade, normalmente uma galinha acasala com vários galos de cada vez. Elas têm a capacidade única para ejetar o esperma dos galos inferiores após a cópula, assim, garantindo que seus genes serão unidos ao macho alfa mais forte.

5 – Quão esperta são? Deveríamos nos preocupar delas tomarem conta do planeta?

Um número surpreendente de pessoas sofrem de medo dos galináceos, uma condição conhecida como alektorophobia, que pode não ser tão irracional quanto parece, dado o que os cientistas têm vindo a descobrir sobre elas. Uma pesquisa recente mostrou que as galinhas podem distinguir entre mais de 100 faces de sua própria espécie e de seres humanos, para que eles saibam quem você é e vai lembrar de você se você tratá-los mal.

Eles demonstraram habilidades complexas de resolução de problemas e têm poderes super-sensoriais, como a visão telescópica (como aves de rapina) e visão quase 360 graus (como corujas). As galinhas são os parentes vivos mais próximos do Tyrannosaurus rex (pesquisadores determinaram esta em 2007, testando proteínas a partir de um osso do pé T-rex particularmente bem preservado) e eles superam os seres humanos do planeta.

Não há um levantamento mundial sobre alguma revolta contra agricultores ou fuga das galinhas, mas levando em consideração os estudos feitos, devemos tomar muito cuidado e ver se as galinhas em nossos quintais não estão conspirando contra a gente.

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicadoEstes campos são obrigatórios *

*

x

Checar também

Foto: Fazenda Bergamini

Vermífugos na hora certa pode gerar ganhos de R$ 40 por cabeça

Um estudo realizado por pesquisadores da Universidade Estadual Paulista Júlio Mesquita (Unesp) levantou um dado ...

bezerros nelore

Fazenda no Mato Grosso faz a desmama aos 100 dias de idade

O Nortão do MT exibia-se para Pedro e eu, agradecendo a chuva que acabara de ...