CLASSIFICADOS
Página Inicial » Artigos » [Vídeo] Flow Hive: Produção de mel que não agride as abelhas, sistema australiano conquista adeptos
Curso de gestão de pastagens, planejamento e manejo da teoria à prática, aprenda o método PDCA

[Vídeo] Flow Hive: Produção de mel que não agride as abelhas, sistema australiano conquista adeptos

Método inovador garante o bem-estar das abelhas e possibilita produção mais racional.

O que é

Pense em como seria prático canalizar o mel produzido nas colmeias para que ele caísse diretamente no pote. A cena que parece de imaginação futurista já é real e tem nome: Flow Hive, que traduzido quer dizer “fluxo da colmeia”.

O sistema inovador de produção apícola foi desenvolvido pelos australianos Stuart e Cedar Anderson. Consiste em fazer com que o mel escoe e seja coletado por uma torneira.

abelhas sistema flow 2

Diferenciais

No sistema tradicional, é necessário abrir a colmeia e retirar os favos. A prática é bastante invasiva e agride a colônia de abelhas. É necessário utilizar fumaça para acalmar o enxame, além de roupas especiais para evitar o ataque.

Os favos precisam ser centrifugados para a retirada do mel, o que resulta em um produto final com muitos resíduos, que precisa ser filtrado antes de ser embalado.

Já no método Flow Hive, não é necessário abrir a colmeia. Basta acionar um dispositivo que coloca os favos em desnível, fazendo com que o mel escoe para uma tubulação que leva a uma torneira, por meio da qual o mel é coletado.

O sistema é tão prático que o produto pode ser despejado diretamente na embalagem pois não apresenta impurezas.

Implementação

O principal diferencial do método Flow Hive é o modo de organização dos favos. Em vez de deixar a construção a cargo das abelhas, são colocados quadros pré-formados, que servem de base para que as abelhas completem as partes restantes dos alvéolos com cera.

Os favos são interligados como uma rede de pequenos tubos quando colocados em desnível por meio de uma chave que permite o escoamento do mel.

O método Flow Hive pode ser adaptado para os modelos tradicionais de apiários, evitando descarte de materiais e grandes gastos com adequação.

A adequação consiste em fazer um corte na caixa, onde será colocada uma placa transparente, que pode ser vidro ou acrílico, para poder visualizar o nível de mel nos favos. Isso permite saber o momento ideal para a coleta.

abelhas sistema flow 3abelhas sistema flow 4

Bem-estar

O método Flow Hive permite a coleta do mel com estresse quase nulo para a colmeia, o que se adequa às novas exigências de bem-estar animal.

O sistema tradicional é bastante invasivo. Provoca a mortandade de parte do enxame, além de submeter os animais a condições de estresse.

O novo modelo promete revolucionar a forma de produzir mel. Além de benéfico para os animais, vai garantir produção mais racional aos criadores, inclusive com a segurança de um produto final de melhor qualidade.

Site do produto, click aqui.

4 comentários

  1. como eu saso para compra esta caixa de abelha?

    • Wildey
      Nós procuramos pela internet se há algum revendedor brasileiro que está fazendo a importação do produto para revendê-lo aqui no Brasil, mas não encontramos.
      Caso encontre nos informe, por favor, para que possamos divulgar aqui no site.
      Abraços

  2. Marcelo Alves da Rocha

    Tudo muito lindo! mas e o custo de cada colmeia?

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicadoEstes campos são obrigatórios *

*

x

Checar também

Foto: Fazenda Bergamini

Vermífugos na hora certa pode gerar ganhos de R$ 40 por cabeça

Um estudo realizado por pesquisadores da Universidade Estadual Paulista Júlio Mesquita (Unesp) levantou um dado ...

bezerros nelore

Fazenda no Mato Grosso faz a desmama aos 100 dias de idade

O Nortão do MT exibia-se para Pedro e eu, agradecendo a chuva que acabara de ...