Queda no mercado atacadista impacta a margem de comercialização dos frigoríficos

Queda no mercado atacadista impacta a margem de comercialização dos frigoríficos

PARTILHAR
Foto: Confinamento Monte Alegre. (Reprodução: CompreRural)

No fechamento do mercado do boi gordo da última sexta-feira (18/1) um maior número de frigoríficos ficou fora das negociações.

Esse cenário foi comum às empresas que estão com escala adiantada, para a última semana do mês. 

No balanço geral, de todas as praças pecuárias pesquisadas sete fecharam com queda de preço e cinco com alta para a arroba do boi gordo.

Nas regiões onde a cotação caiu, o movimento foi, em grande parte, em função do maior número de tentativas de comprar oferecendo preços abaixo da referência de mercado, cenário observado com maior frequência às sextas-feiras. 

Já no mercado atacadista de carne bovina com osso, a carcaça de bovinos inteiros fechou com queda de 1,5%, frente ao levantamento anterior. Desde o início do ano a queda acumulada é de 3,6%. 

Devido a essa queda, a margem de comercialização das indústrias que não desossam cedeu 1,9 ponto percentual e atualmente está em 14,2%.

Fonte: Scot Consultoria

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com