Tragédia: Raio mata peões e cavalos em fazenda; Vídeo

PARTILHAR

Tragédia aconteceu durante a chuva que caiu na tarde de quarta-feira (10) em Barra do Garças; Funcionários de fazenda e cavalos morrem atingidos por raio. Veja!

Dois trabalhadores e dois cavalos morreram na tarde de quarta-feira (10) atingidos por um raio em uma fazenda de Barra do Garças (a 513 quilômetros de Cuiabá). Além dos trabalhadores, alguns cavalos também foram atingidos pela descarga elétrica; os homens e os animais foram encontrados próximos a uma casa feita de zinco para armazenar sal.

Reinaldo Gabriel da Silva, de 38 anos, e uma mulher identificada apenas como Cleide, de 34, estavam trabalhando na propriedade rural separando o gado. Confira abaixo as informações completas que chegam até o momento!

Mato Grosso lidera ranking de estados com mais morte de gado por esse motivo, diz estudo inédito divulgado pelo Inpe. Desde 2010, prejuízo com o incidente já atingiu R$ 15 milhões.

Conforme a imprensa local, eles foram surpreendidos por um temporal e procuraram abrigo em uma casa de suplemento mineral, na área de pastagem. De acordo com o boletim de ocorrência, o proprietário encontrou cavalos caídos e, em seguida, encontrou os homens desacordados.

Ainda segundo as informações da Polícia Civil, as vítimas foram atingidas pela descarga elétrica e morreram no local. O proprietário da fazenda foi para o campo e encontrou os cavalos e seus funcionários caídos no chão, já sem vida. 

Os animais estavam selados e eram utilizados para a realização do trabalho. A  Polícia Civil acompanha o caso.

Em 10 anos, 2.973 animais já foram mortos no campo por raios no Brasil, aponta Inpe

No Brasil, 2.973 animais já foram mortos por raios nos últimos 10 anos, segundo um estudo inédito do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

No país, os líderes do ranking são Mato Grosso, com 437 mortes por esse motivo, seguido de São Paulo, Mato Grosso do Sul e Tocantins, com 361, 358 e 249 perdas, respectivamente. De acordo com a pesquisa, desde 2010, o prejuízo gerado por esse tipo de incidente já bateu os R$ 15 milhões.

Em muitos casos, mais de um animal morre por causa dos raios. Segundo o Inpe, isso acontece porque as tempestades despertam o instinto de defesa nos gados, o que os faz se reunirem próximos a um lugar disponível, seja uma árvore ou uma cerca, que são os pontos mais atingidos por raios.

Em 2018, em Cacoal, Rondônia, 103 animais foram mortos por um único raio. Para evitar este tipo de problema, o recomendado aos criadores é colocar um metal a cada cem metros para servir como para-raios.

Vídeo mostra outro acidente fatal envolvendo pecuarista e animais no curral:

Incidência de raios aumenta

A incidência de raios em Mato Grosso em setembro deste ano teve um aumento de 160% em relação ao mesmo período do ano passado, segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

De acordo com os dados, em setembro de 2020 foram cerca de 1 milhão de raios no estado. Em setembro de 2021, esse número subiu para para 2,6 milhões.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.