Uso de insetos na alimentação de frangos?

PARTILHAR
Foto: Divulgação

As diversas dificuldades enfrentadas pelos avicultores com os custos de produção nesses últimos anos, fazem desta dieta uma opção econômica .

A formulação de dietas para frangos, ao redor do mundo, normalmente conceitua pequenas variações em termos de ingredientes base, uma vez que considera as principais disponibilidades dos alimentos nos mercados locais e os melhores resultados que as genéticas podem oferecer.

As diversas situações mercadológicas enfrentadas pelos produtores de frango, nos últimos dois anos, dentre elas, a pandemia do coronavírus, crise de portos e containers, secas em diversas áreas produtoras de grãos por efeitos climáticos e ainda a guerra da Russia contra a Ucrania, fizeram com que os custos produtivos fossem impactados em aproximadamente 70% pela dieta consumida pelos frangos, ao longo de sua vida, e tivessem incrementos que os levaram ao prejuízo em muitos momentos.

A análise de viabilidade econômica desses ingredientes, deve levar em conta os históricos de preços de cada ingrediente da dieta animal, com suas quantidades variadas de inclusão por fase produtiva, os valores de venda do produto vivo final, ou custos produtivos, e os valores dos produtos finais (como o peso animal), lembrando-se de desconsiderar efeitos de inflação utilizando índices apropriados quando se considera períodos de tempos mais amplos para avaliação. Esses valores podem gerar dados de receita e margem bruta preditivamente.

Um estudo gerado junto ao Laboratório de Análises Econômicas LAE, USP, disponibiliza com instruções de uso a ferramenta, “SVEIAF -Simulador Viabilidade Econômica Ingredientes Aditivos para Frangos de Corte”, aplicando-se a maneira descrita na tabela abaixo:

Tabela 1: Demonstração dos parâmetros de custo avaliados no simulador de custos, parte do SVEIAF -Simulador Viabilidade Econômica Ingredientes Aditivos para Frangos de Corte

Os dados deste estudo, juntamente com resultados zootécnicos, podem ser incluídos na planilha, também para uma predição quantitativa da necessidade de produto disponível no mercado, para que se torne ingrediente padrão em escala industrial, ampliando a qualidade dos estudos de viabilidade do negócio em um determinado mercado para o novo ingrediente considerado. Essa ferramenta também pode ser aplicada a outras espécies e outros tipos de dietas, com as devidas adequações.

No mencionado estudo, o simulador considerou uma sistemática acadêmica ajustada conforme descrito acima, demonstrando que uma farinha de inseto poderia custar até R$ 4,53/Kg, em um frango que ao ganhar 154g a mais quando utilizada farinha de insetos, a 4% de inclusão em uma dieta de formulação base Rostagno, 2017, custando R$ 3,24/Kg, gerou receita de R$ 0,60/Kg a mais que a dieta tradicional a base de milho-soja, com custos médios de ingredientes considerados entre fev-15 a fev-20, deflacionados por IGP-Di, buscando a mesma margem bruta de R$ 1,56/ave:

Tabela 2: Resultados de margem bruta do frango, baseado no peso final em Kg, Custo do Frango (R$/Kg), Custo Total da Dieta Consumida (R$/ave) e Receita Total (R$/ave), comparando o grupo controle, com dieta base milho-soja e grupo com 4% de inclusão de farinha de inseto, gerando GPD de 0,154Kg a mais, dados de preço até fevereiro de 2020.

Considerando os custos de ingredientes no primeiro ano da pandemia, por exemplo, (mai-20 a mai-21), o simulador, levando em conta a mesma sistemática acadêmica ajustada conforme descrito acima, demonstrou que uma farinha de inseto pode custar entre R$ 47,16 e R$ 63,75/Kg, em um frango que ao ganhar em média 100g a mais quando utilizada farinha de insetos a 2% de inclusão em uma dieta de formulação base Rostagno, 2017, custando R$ 5,20/Kg, gerou receita de R$ 0,52/Kg a mais que a dieta tradicional a base de milho-soja, deflacionados por IGP-Di, buscando a mesma margem bruta de R$ 1,30 /ave, quando utilizada Black Soldier Fly, e R$ 4,31/ave, quando utilizada o Tenébrio Molitor:

Tabela 3: Resultados de margem bruta do frango, baseado no peso final em Kg, Custo do Frango (R$/Kg), Custo Total da Dieta Consumida (R$/ave) e Receita Total (R$/ave), comparando o grupo controle, com dieta base milho-soja e grupo com 2% de inclusão de farinha de Black Soldier Fly, gerando GPD de 0,100Kg a mais, dados de preço entre janeiro e agosto de 2021:

Tabela 4: Resultados de margem bruta do frango, baseado no peso final em Kg, Custo do Frango (R$/Kg), Custo Total da Dieta Consumida (R$/ave) e Receita Total (R$/ave), comparando o grupo controle, com dieta base milho-soja e grupo com 2% de inclusão de farinha de Tenebrio Molitor, gerando GPD de 0,100Kg a mais, dados de preço entre janeiro e agosto de 2021:

Esses estudos de simulação trazem uma luz ao uso de novos ingredientes, diante de crises como as enfrentadas nos últimos anos, e vem de encontro a colaborar com os conceitos de economia circular, previstos nas ODS (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável), e previstos em acordos mundiais pela ONU.

Fonte: Animal Business

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com