8 doenças mais comuns que podem afetar o rebanho leiteiro

8 doenças mais comuns que podem afetar o rebanho leiteiro

PARTILHAR

Conhecer as doenças mais comuns no rebanho leiteiro é de extrema importância para encontrar formas de tratamento e prevenção.

*Artigo publicado originalmente no blog da FUNDAÇÃO ROGE

O rebanho de vacas leiteiras está sujeito a várias moléstias que trazem grande prejuízo à produção das fazendas de leite. O foco na prevenção de doenças pode ser considerado o maior investimento relacionado às melhorias das condições de saúde dos rebanhos leiteiros.

Doenças mais comuns:

1) Mastite ou Mamite:

Inflamação da glândula mamária geralmente causada pela infecção por diversos tipos de microorganismos, sendo as bactérias as principais agentes. É a doença mais importante dos rebanhos leiteiros em todo o mundo devido à alta incidência de casos clínicos, alta incidência de infecções não perceptíveis a olho nú e aos prejuízos econômicos que acarreta. Como resultado da inflamação, as paredes dos vasos sanguíneos se tornam dilatadas e outras substâncias do sangue também passam para o leite. Essa doença prejudica a qualidade do leite e causa redução na produção.

Quer saber quais são as outras doenças mais comuns no rebanho leiteiro? Confira no artigo completo no blog da FUNDAÇÃO ROGE:

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com