A pressão no mercado do boi continua

A pressão no mercado do boi continua

PARTILHAR
Foto: Confinamento Monte Alegre. (Reprodução: CompreRural)

O mercado ficou estável em grande parte das praças pecuárias nesta quarta-feira (15/5). A cotação teve queda em apenas três delas.

Em Redenção-PA, a desova de boiadas favoreceu os compradores que aproveitaram o momento para oferecer preços abaixo das referências. 

Na região, a queda da cotação foi de 0,7% na comparação dia a dia e, desde o início do mês a retração foi de 2,5%. Esta praça teve a maior queda de preço desde o começo de maio, entre todas as regiões pesquisadas. 

O Norte de Minas Gerais também registrou queda de R$1,00/@ frente ao último fechamento (14/5) e a arroba ficou cotada em R$146,50, a prazo, livre de Funrural.

Em São Paulo, os preços permaneceram estáveis na comparação dia a dia e as programações de abate no estado giram em torno de seis dias. 

Fonte: Scot Consultoria

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com