Abatedouro móvel de suínos da Embrapa ganha prêmio

Abatedouro móvel de suínos da Embrapa ganha prêmio

Abatedouro-Movel-para-Suinos-caminhao
Foto: Lucas SCHERER CARDOSO / Embrapa

A Embrapa Suínos e Aves venceu a 7ª edição do Prêmio Stemmer Inovação Catarinense na categoria instituição inovadora.

A entrega da premiação foi na tarde de ontem (6) na Fiesc em Florianópolis, com a presença do ministro da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações, Gilberto Kassab, e do governador Raimundo Colombo. O prêmio é oferecido pelo governo estadual por meio da Fapesc, a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina.

A Embrapa concorreu com o abatedouro móvel, uma unidade itinerante com equipamentos para abate de animais em três modelos: suínos e ruminantes, aves e pescado. O abatedouro móvel está adequado às particularidades produtivas e à legislação sanitária e ambiental do Brasil. A tecnologia foi desenvolvida em parceria com a empresa Engmaq, de Peritiba, com apoio da Fapesc, Cidasc e Instituto Federal Catarinense – Campus Concórdia.

Abatedouro-Movel-para-Suinos-Embrapa-Suinos-e-Aves
Photo: ENGMAQ, Engmaq

“Para nós da Embrapa Suínos e Aves é uma honra receber este prêmio. O desenvolvimento do equipamento só foi possível porque envolveu diferentes atores, como a Embrapa, com sua competência em tecnologia agropecuária e sanidade, a empresa Engmaq, com competência de engenharia e gestão, a Fapesc, como financiadora, e a Cidasc e o Instituto Federal Catarinense, Campus de Concórdia, como apoiadores. Acreditamos que este é um exemplo a ser seguido de inovação aberta e parceria com as cadeias produtivas e as empresas de base tecnológica dialogando com as necessidades da sociedade”, disse o chefe adjunto de Transferência de Tecnologia, pesquisador Marcelo Miele, que recebeu o prêmio representando a Embrapa.

Abatedouro Móvel para Suínos – Photo: CARDOSO, Lucas Scherer

Abatedouro móvel para suínos

Possui todos os equipamentos necessários ao abate adaptados em uma carreta rodoviária ou contêiner refrigerado, podendo ser deslocado para diferentes localidades. Possibilita o abate de até 19 mil suinos/ano, com capacidade de atender em torno de 390 suinocultores, com 17 matrizes cada. Direcionado para consórcio de produtores, cooperativas ou pequenos municípios.

Sua implementação está condicionada à aprovação pelos orgãos estaduais ou municipais de inspeção de produtos de origem animal e fiscalização ambiental. Pode ser adaptado às características estabelecidas pelo usuário e pela legislação. Esta solução tecnológica foi desenvolvida pela Embrapa em parceria com outras instituições.

Confira o site da pesquisa clicando aqui

Abatedouro-Movel-para-Suinos-Embrapa-Suinos-e-Aves-Foto-Lucas-Scherer
Foto: Lucas SCHERER CARDOSO / Embrapa

1 COMENTÁRIO

Comments are closed.