Abiove prevê aumento de 2,3% nas exportações do complexo soja

Abiove prevê aumento de 2,3% nas exportações do complexo soja

PARTILHAR
capa-abiove-preve-crescimento-do-complexo-soja
Foto Divulgação. Fonte: Industria Hoje.

A Abiove estima exportações do complexo soja, em 2018, em US$ 32,4 bilhões, um aumento de 2,3% em relação a 2017 (US$ 31,7 bilhões).

Esse valor é recorde, assim como as projeções para produção de soja em grão, industrialização e embarques da oleaginosa neste ano. O aumento nas divisas com exportações se deve principalmente ao farelo de soja, cujas vendas ao mercado externo estão projetadas em US$ 5,9 bilhões, em comparação com US$ 4,9 bilhões em 2017, de acordo com a Abiove.

Complexo soja

A entidade divulgou as estatísticas do complexo soja com dados mensais atualizados até dezembro de 2017. A produtividade tem sido superior à esperada anteriormente, e a estimativa anunciada na quinta-feira (1˚) é de uma produção de soja de 114,7 milhões de toneladas e de vendas externas de 68 milhões de toneladas em 2018.

Processamento de soja

A Abiove mantém para este ano suas projeções de processamento recorde de soja, em 43 milhões de toneladas, e para a produção de farelo proteico, em 32,7 milhões de toneladas. O B10, mistura de 10% de biodiesel no diesel mineral, entrou em vigor hoje.

Quanto ao óleo, a Abiove manteve previsão de elevação da produção para 8,5 milhões de toneladas e do consumo interno para 7,7 milhões de toneladas. A nova projeção é de um recuo para 850 mil toneladas nas vendas externas.

Por SFAgro

-- conteúdo relacionado --

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com