ABS lança 1° índice de fertilidade de touros Girolando

ABS lança 1° índice de fertilidade de touros Girolando

PARTILHAR
Touro Girolando
Foto: Divulgação/ Reprodução

Com base em dados de fazendas reais, empresa ranqueia reprodutores da raça brasileira. Com isso, foi possível ranquear os melhores animais para fertilidade

A partir deste segundo semestre, criadores poderão selecionar touros Girolando por fertilidade. A seleção direcionada será possível com o lançamento do primeiro índice do mercado pela ABS:  criado com base em dados coletados de fazendas reais.

“Utilizamos as informações de propriedade da ABS. Entre elas, as de concepção cadastradas no ABS Monitor, o programa de monitoramento reprodutivo da ABS que existe desde 2012 e já realizou mais de 100 mil avaliações em todo o país.

Com isso, foi possível ranquear os melhores animais para fertilidade”, explica Hélio Rezende, gerente de Serviços e Ferramentas Técnicas da América Latina.

O ranqueamento seguirá o mesmo formato do já reconhecido banco de dados internacional da ABS Global para touros holandeses – o RWD (Real World Data), que também empresta o nome ao programa brasileiro. “Os touros receberão estrelas. Quanto mais próximo de 5, melhor desempenho a campo o reprodutor terá”, afirma Rezende.

De acordo com Fernando Rosa, gerente de Produto Leite Tropical, a ferramenta pioneira contribuirá muito para uma seleção mais precisa dentro das propriedades e, principalmente, para uma maior lucratividade para o cliente da ABS. “Conseguir um melhor índice de concepção impacta diretamente na planilha orçamentária, em especial, nas fazendas leiteiras. É mais uma inovação que só quem é cliente ABS tem”, comemora.

Os investimentos em serviços técnicos para rebanhos Girolando têm sido uma constante dentro da empresa. “É uma raça que tem crescido muito no Brasil e na América Latina e nós estamos acompanhando o mercado e a necessidade de nossos clientes. Queremos não só oferecer boa genética, como ferramentas que possam aprimorar a seleção e promover o progresso genético gerando lucro”, conclui.

Por Faeza Rezende, assessora de imprensa
Fonte: ABS Pecplan