Acabou o imposto de exportação dos couros wet blue e salgado

Acabou o imposto de exportação dos couros wet blue e salgado

PARTILHAR
porto exportação
Porto de Paranaguá. Foto: Ivan Bueno APPA

A decisão havia sido tomada no comitê em reunião do último dia 30 de agosto. E voltará a ser discutida no prazo de um ano.

Ministros que integram a da Câmara de Comércio Exterior (Camex) referendaram nesta terça-feira (18) decisão do Comitê Executivo de Gestão (Gecex) de retirar o imposto de exportação do couro wet blue e do couro salgado. A decisão havia sido tomada no comitê em reunião do último dia 30 de agosto. E voltará a ser discutida no prazo de um ano.

O pedido de exclusão foi defendido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), a partir de solicitação da Associação Brasileira de Frigorífico (Abrafrigo) referendada pela Sociedade Rural Brasileira (SRB), pela Confederação Nacional de Agricultura (CNA) e pela Associação Brasileira de Criadores (ABC).

No Mapa, o entendimento foi de que o imposto de exportação era distorcivo e que a melhor estratégia para o desenvolvimento da produção é a adoção de medidas que visem ganhos a todos os elos da cadeia, até o produto final. De acordo com a Secretaria de Relações Internacionais do Agronegócio do ministério, há disposição de dialogar com representantes do setor de forma a construir uma agenda estruturante que foque na melhoria do couro nacional.

Integram a Camex, Casa Civil, Secretaria Geral da Presidência da República, Mapa, Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, das Relações Exteriores, da Fazenda, dos Transportes e do Orçamento e Gestão.

Fonte: Mapa

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com