Acordos e gestão garantirá segurança hídrica na Agricultura

Acordos e gestão garantirá segurança hídrica na Agricultura

PARTILHAR
irrigacao-no-tocantins
Juliano Ribeiro/Governo do Tocantins

Acordos de cooperação são assinados em prol da segurança hídrica na Agricultura do País, as parcerias foram firmadas durante o 8º Fórum Mundial da Água

Com o objetivo de garantir segurança hídrica ao Brasil, o Governo do Brasil assinou acordos de cooperação com organizações internacionais nesta segunda-feira (19). A parceria foi firmada com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) e o Laboratório Nacional de Engenharia Civil de Lisboa (LNEC).

Para o ministro Helder Barbalho, da Integração Nacional, a segurança hídrica a ser alcançada com os trabalhos em conjunto permitirá mais produção e oferta em alimentação. “E que o nosso país possa colaborar com a luta coletiva para garantir alimento para todo o nosso planeta”, comentou.

De acordo com o ministério, os acordos assinados permitem a troca de informações e o intercâmbio de especialistas entre as instituições. A cerimônia aconteceu durante o 8º Fórum Mundial da Água, o maior evento global sobre o tema, pela primeira vez organizado no Hemisfério Sul.

Governo do Brasil investe na gestão da água usada pela agricultura

Cerca de 70% da água doce do mundo é utilizada pelo setor agrícola, indica o Banco Mundial. No Brasil, de acordo com a Embrapa, a água utilizada no campo é predominantemente captada das chuvas, mas o governo tem programas pensados para a proteção do recurso

Recuperação das Nascentes

Como parte do programa de Integração do Rio São Francisco, o Plano Nascente prevê a atuação integrada do poder público para a preservação de 10 mil nascentes na região. No momento, segundo o Ministério da Integração, mais de 1,7 mil nascentes já foram preservadas. A duração do plano é de dez anos, com objetivo de despoluir o rio, reduzir o assoreamento, ampliar a oferta hídrica e também recuperar áreas degradadas.

Plantadores de Rios

O programa Plantadores de Rios, lançado no ano passado pelo Ministério do Meio Ambiente, tem como objetivo proteger nascentes em Áreas de Preservação Permanente (APP). Para isso, foi criado um aplicativo que permite que pessoas, instituições e proprietários de imóveis rurais inscritos do Sistema de Cadastro Ambiental Rural (SiCar) participem de ações de proteção. Até o momento, cerca de 5 mil pessoas já fizeram o download do aplicativo.

Produtor de Água

Para apoiar os agricultores, que dependem de água para todas as atividades no campo, a Agência Nacional de Águas (ANA) criou o programa Produtor de Água. Os participantes recebem, além de recursos financeiros, instrução técnica para projetos que evitem a erosão do solo, o assoreamento de mananciais, melhorando a qualidade e a disponibilidade de água não apenas na área rural. Em 2017, 36 novos projetos foram selecionados pelo programa e a parceria foi firmada com 14, com repasses no valor de R$ 11,2 milhões. Para aderir, o produtor deve procurar a Secretaria de Meio Ambiente do município ou o Comitê da Bacia Hidrográfica onde a propriedade se encontra.

 

-- conteúdo relacionado --
Eventos promovem discussão sobre ILPF em solos are... Interessados nos sistemas de Integração Lavoura-Pecuária (ILP) e de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF) terão a oportunidade de participar nos...
CRI Brasil adota a marca Genex Marca já vinha sendo utilizada na comercialização de genética bovina nos EUA e Canadá, CRI Genética agora é GENEX Visando unificar sob uma mesma marc...

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.