Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?

ALERTA VERMELHO: Inmet emite aviso de grande perigo e chuvas de 100 mm

Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), emitiu um alerta vermelho para a possibilidade de chuva potencialmente perigosa neste domingo (8) em muitas regiões [confira a lista abaixo], com chuvas acima de 100 mm e grandes alagamentos.

Conforme foi anunciado neste sábado pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), através de um alerta vermelho para a possibilidade de chuva potencialmente perigosa neste domingo (8), em áreas de São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul e em todo o estado de Santa Catarina. INMET publica aviso iniciando 08/10/2023 as meia noite de hoje. Chuva superior a 60 mm/h ou acima de 100 mm/dia. Grande risco de grandes alagamentos e transbordamentos de rios, grandes deslizamentos de encostas, em cidades com tais áreas de risco.

A primeira semana de outubro no Sul do Brasil tem sido marcada por acumulados de chuva elevados que estão afetando várias regiões, algumas delas se aproximando da média climatológica para este mês. Essa condição meteorológica tem gerado preocupações em diversas áreas do Sul do país.

Áreas afetadas e com grandes riscos por causa da chuva

Serrana, Oeste Catarinense, Metropolitana de Curitiba, Vale do Itajaí, Grande Florianópolis, Noroeste Rio-grandense, Sudoeste Paranaense, Sudeste Paranaense, Itapetininga, Norte Catarinense, Sul Catarinense, Litoral Sul Paulista, Nordeste Rio-grandense, Centro-Sul Paranaense, Centro Oriental Paranaense, Macro Metropolitana Paulista, Metropolitana de São Paulo, Oeste Paranaense

Recomendações do Inmet em seu alerta vermelho para as chuvas

  • Desligue aparelhos elétricos, quadro geral de energia.
  • Observe alteração nas encostas.
  • Permaneça em local abrigado.
  • Em caso de situação de inundação, ou similar, proteja seus pertences da água envoltos em sacos plásticos.
  • Obtenha mais informações junto à Defesa Civil (telefone 199) e ao Corpo de Bombeiros (telefone 193).

Para o fim de semana, a Defesa Civil de Santa Catarina e o Epagri-Ciram alertam o risco é alto a muito alto para ocorrências associadas a chuva volumosa, como alagamentos, deslizamentos, enxurradas e inundações graduais. A previsão conjunta dos dois órgãos é que durante o sábado (07) e no domingo (08), a chuva ocorra de forma generalizada sobre as demais regiões catarinenses e, neste período, são esperados acumulados entre 100 mm e 150 mm. No início da próxima semana a condição para precipitação diminui no estado.  

Situação dos rios em Santa Catarina

Confira a previsão de eventos adversos e os alertas da Defesa Civil de Santa Catarina e do Epagri-Ciram para as diversas áreas hidrológicas catarinenses. Oriente-se e e peça ajuda à Defesa Civil. Proteja sua vida!

Durante os próximos dias, está prevista uma quantidade significativa de chuva, com risco alto para alagamentos, enxurradas e inundações. A seguir, estão destacadas as principais áreas que apresentam riscos associados ao evento.

A seguir, destacamos os acumulados de chuva em algumas cidades:

Rio Grande do Sul:

  • Passo Fundo: 152.8 mm
  • Erechim: 121 mm
  • Ijuí: 80 mm
  • Frederico Westphalen: 112.8 mm

Santa Catarina:

  • Xanxerê: 98 mm
  • Curitibanos: 159.6 mm
  • Florianópolis: 76.6 mm
  • Indaial: 96 mm

Paraná:

  • Morretes: 82.2 mm
  • Pato Branco: 120 mm
  • Palmas: 70.4 mm

A persistência da chuva é influenciada pela atuação de um cavado, uma área alongada de baixa pressão que se estende sobre a Argentina, combinada com outros sistemas meteorológicos.

A previsão para os próximos dias é a seguinte:

  • Sábado: A chuva persiste durante todo o dia, afetando do centro do Rio Grande do Sul ao norte do Paraná. Alerta para faixa que se estende do norte do Rio Grande do Sul até o litoral do Paraná enfrentará chuvas frequentes ao longo do dia.
  • Domingo: As chuvas continuarão, com destaque para a região extremo norte do Rio Grande do Sul ao norte do Paraná, onde são esperadas chuvas intensas ao longo do dia.

Além das chuvas, há um alerta para rajadas de vento no sábado. As rajadas variarão de 40 a 60 km/h em todo o Rio Grande do Sul e do norte do Paraná ao sul de Santa Catarina, onde podem atingir entre 60 e 80 km/h.

Uma frente fria passa pela costa de Santa Catarina e ajuda a formar novas áreas de instabilidade sobre o Sul do Brasil. Permanece a combinação de uma acentuada a queda da pressão atmosférica entre o Paraguai e o Sul do Brasil  e a presença de fortes correntes de ar quente e úmido vindas do Norte para a Região Sul, que estimulam o crescimento de nuvens muito carregadas sobre o Paraná, Santa Catarina e no Rio Grande do Sul, que provocam chuva forte.

chuvas

A chuva volumosa que atinge Santa Catarina deste terça-feira (3) segue provocando estragos. O estado amanheceu mais um dia com moradores ilhados, ao menos 16 rodovias com interdições parciais ou totais, cidades alagadas e diversos prejuízos.

Os temporais já afetaram ao menos 78 municípios, causaram a morte de uma pessoa e deixaram feridos. Trinta e uma cidades decretaram situação de emergência, segundo balanço do órgão estadual.

Siga o Compre Rural no Google News e acompanhe nossos destaques.
LEIA TAMBÉM