Apesar da pressão da indústria, indicador se sustenta

Apesar da pressão da indústria, indicador se sustenta

PARTILHAR
Foto: Confinamento Monte Alegre. (Reprodução: CompreRural)

A volatilidade no mercado do boi gordo é grande, entretanto nem a pressão da indústria foi capaz de fazer o indicador oscilar essa semana

A disparidade entre os valores da arroba diminuiu neste início de novembro.

Segundo operadores consultados pelo Cepea, a pressão exercida pela indústria aumentou, devido às escalas de abate mais alongadas – as compras de lotes maiores a preços superiores no final de outubro e o relativo aumento da oferta de animais possibilitaram esse alongamento.

Ainda assim, alguns fechamentos de negócios a valores maiores são observados, o que acabou sustentando as cotações neste início de novembro.

De 31 de outubro a 7 de novembro, o Indicador do boi gordo ESALQ/BM&FBovespa subiu ligeiro 0,69%, fechando a R$ 146,15 nessa quarta-feira, 7.

Fonte: Cepea

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com