Apoio: Produtores de leite se reúnem com Bolsonaro

PARTILHAR
Foto Divulgação.

No encontro, eles entregarão a Bolsonaro uma carta pedindo apoio para o fortalecimento do setor leiteiro. Confira as informações abaixo!

Representantes dos produtores de leite vão se reunir com o presidente Jair Bolsonaro, nesta quarta-feira (9), em Anápolis (GO). No encontro, eles entregarão a Bolsonaro uma carta pedindo apoio para o fortalecimento do setor leiteiro.

A base produtora diz que vive um momento de dificuldades devido aos altos custos de produção, às importações de lácteos, especialmente de países do Mercosul, e à falta de previsibilidade no pagamento do produto entregue aos laticínios.

De acordo com lideranças da Aproleite/GO e dos movimentos Aliança e Ação, União e Ação, Construindo Leite Brasil e Inconfidência Leiteira, a base produtora de leite cru espera sensibilizar Bolsonaro sobre a importância de o governo federal apoiar a implementação de políticas públicas que deem sustentabilidade à atividade, desenvolvida em cerca de 1,2 milhão de propriedades rurais em todo país.

Na avaliação dos produtores, a valorização da cadeia leiteira é fundamental para evitar o crescente abandono da atividade, o que pode contribuir para o aumento do êxodo rural, e permitir que o Brasil venha a se tornar um grande fornecedor de lácteos para o mercado internacional. Para eles, a melhoria do setor passa pela adoção de medidas que permitam ter renda para garantir o seu sustento e investir na produção.

O encontro entre os produtores e o presidente Bolsonaro é resultado de articulação do deputado federal Vitor Hugo (PSL-GO). O parlamentar tem se reunido com o setor para debater propostas que visem atendê-lo nas suas reivindicações. No ano passado, os representantes dos produtores também se reuniram com o presidente, em Bagé (RS).

As informações são do AGROemDIA, adaptadas pelo MilkPoint. 

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com