Bonita e boa. Assim é a Matriz Modelo da raça Nelore

Bonita e boa. Assim é a Matriz Modelo da raça Nelore

PARTILHAR
Luis Otávio Pereira Lima, Gerente da Carpa Serrana, recebe prêmio por Elegance Euro na Expozebu 2018, em Uberaba - MG

Elegance Euro, doadora da Carpa Serrana, mostra que é possível desfilar na pista e ter um alto índice de avaliação genética

É preciso ter de cinco a doze anos de idade e apresentar uma estrutura muito equilibrada entre características como longevidade produtiva e funcionalidade, além de perfeito enquadramento racial, para uma vaca zebuína ser considerada uma Matriz Modelo da ExpoZebu. Este ano, a Grande Campeã do Concurso Matriz Modelo da raça Nelore foi a doadora Elegance Euro, do plantel da Carpa.

Entre cinco concorrentes, ela foi a preferida do jurado especial, Luiz Antônio Josahkian, superintendente Técnico da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ). “A matriz modelo precisa apresentar funcionalidade, especialmente nos aspectos reprodutivos, ter equilíbrio e harmonia de formas, aprumos corretos, estrutura óssea compatível e não exagerada, feminilidade e atender ao padrão estabelecido para a raça.

Uma matriz modelo é uma referência ao potencial máximo possível e admissível para a raça. Contudo, não considero o título como algo absoluto, mas sim um padrão relativo, dependendo do sistema de produção”, afirmou Josahkian.

Há 3 anos, o Concurso Matriz Modelo leva o nome do presidente da ABCZ “Orestes Prata Tibery Junior”, pois foi ele que, em 2006, instituiu essa categoria no julgamento da ExpoZebu. “A Elegance Euro é provada.

Ela tem muita habilidade materna e descende de uma importante linhagem consolidada pela família da Essência. Esse título outorgado pelo Josahkian nos deixa muito orgulhosos pela doadora e sustenta nosso objetivo de agregar avalições zootécnicas a seleção genética por morfologia”, diz o gerente de pecuária do criatório, Luís Otávio Pereira Lima.

Ele também cita o conceito que fundamenta o slogam “Um olho na pista e outro na balança”, eternizado na pecuária moderna pelo criatório. “Além dela ser forte no racial e na beleza, o que valeu o título de Matriz Modelo, a Elegance é Top 6%, tem iABCZ de 15,45. Teve a primeira cria aos 26 meses, teve cinco crias naturais e 30 filhos de FIV, acasalando bem com diferentes reprodutores como Basco, Rambo, Donato, Herói e Kayak”, diz.

Nos principais concursos de doadoras promovidos pela ABCZ, a Carpa tem 100% de aproveitamento. Antes da Elegance, a Alexa também conquistou o título Matriz Modelo. Já na ExpoGenética, o Prêmio Cláudio Sabino foi conferido à doadora Jaad.

“Nós sempre valorizamos o Concurso Matriz Modelo e o Prêmio Cláudio Sabino por justamente tratarem de escolhas com base na longevidade e funcionalidade das vacas que se encontram em produção nas fazendas. Isso motiva bastante a equipe e nos mostra que estamos no caminho certo”, conclui o gerente.

Elegance Euro – Foto: Rubão

Sobre a Carpa

A Carpa seleciona Nelore há mais de 40 anos e sempre foi um criatório inovador. A empresa pecuária foi a primeira do Brasil a fazer transferência de embriões, a realizar abates técnicos na raça Nelore e a utilizar receptoras Nelore em seus programas de reprodução assistida.

Comandado pelo pecuarista Eduardo Biagi, o trabalho da Carpa é considerado um dos melhores e de mais relevância no Brasil, especialmente quando o assunto é novilho precoce. Com um rebanho de mais de 30 mil cabeças, o criatório ganhou notoriedade por unir o conceito de melhoramento por avaliações genéticas.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com