Pecuária brasileira recebe maior importação de sêmen da história

PARTILHAR
Foto: Divulgação

Localizada em Uberaba (MG), maior central de biotecnologia do mundo importou 219 mil doses de sêmen, que chegaram ao Brasil em um único embarque

Esta semana, a ABS, sede da maior central de biotecnologia do mundo, protagonizou um momento histórico para a pecuária nacional. A empresa realizou a maior importação em um único embarque da história do setor – são 219 mil doses de sêmen, armazenadas em 80 botijões, que chegaram dos Estados Unidos para contribuir para o progresso genético do rebanho nacional.

As doses de sêmen foram enviadas a partir da sede da ABS Global, em DeForest, no estado de Wisconsin. Após serem recebidas no Aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP), o embarque seguiu para Uberaba (MG), onde se localiza a sede nacional da ABS. Quatro dias depois, as doses de sêmen já estavam na central ABS, após o processo de desembaraço aduaneiro.

O diretor global de Garantia de Saúde e Supply Chain da ABS Global, Jim Meroneck, comemora o marco para a empresa e para a pecuária internacional. “São 183 mil doses de sêmen Angus, 22 mil do ABS XBlack, 9,5 mil doses de Angus vermelho e 4 mil de Brangus”, comenta.

Para o diretor geral da ABS Brasil, Márcio Nery, o maior embarque da pecuária brasileira revela a evolução do setor nacional e a importância do Brasil no cenário do melhoramento genético. “É motivo de comemorar. Revela o empenho da ABS Global em contribuir para o melhoramento genético dos rebanhos de corte e leite do brasil”, afirma.

Logística eficiente

Todo o processo de inspeção e validação sanitária e zootécnica aconteceu em apenas cinco dias, mostrando a eficiência do processo comandado pelas autoridades governamentais. Com autorização expressa do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), a carga também é rastreada pela Receita Federal. É o que diz Fernando Augusto, auditor fiscal federal agropecuário.

“A partir do momento que a carga chega ao Brasil, o processo tem que ser autorizado pelo Mapa. Também são seguidas diversas regras sanitárias e zootécnicas que garantem toda a segurança do embarque e do seu transporte. Aqui, no porto, fazemos toda a conferência física e documental da mercadoria. Em seguida, conferimos o nível de nitrogênio de todos os botijões e analisamos uma amostragem aleatória das palhetas de sêmen”, descreve.

Para o gerente da Estação Aduaneira do Interior (Eadi), também chamada de Porto Seco do Triângulo Mineiro, em Uberaba. , Paulo Carvalho, a chegada das 219 mil doses de sêmen é de extrema importância para o país. “É uma ação que não só gera receita para o município, mas demonstra a pujança da agropecuária brasileira”, aponta.

José Roberto de Souza, despachante aduaneiro ressalta o significado da importação no que diz respeito à genética bovina nacional. “É a maior importação de doses de sêmen já feita pelo Brasil. Isso mostra como somos evoluídos na área da genética, especificamente, a região do Triângulo Mineiro, além de comprovar o excelente trabalho desenvolvido pelos órgãos governamentais que participam em sintonia do processo, assegurando um transporte correto e eficiente”, finaliza.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.