Com preço baixo, produtores de milho adotam cautela

Com preço baixo, produtores de milho adotam cautela

Colheita do milho
Foto: Reprodução

Com preço médio mensal de R$ 14,00/saca, produtores de milho adotam cautela em negociações em MT

Com a pressão sobre as cotações, os produtores de milho em Mato Grosso estão negociando de forma mais cautelosa a safra 2016/17. A avaliação foi publicada, ontem, pelo Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (IMEA). O instituto aponta que o avanço mensal foi de apenas 3,8%, acumulando, assim, 46,6% comercializados da produção total.

Conforme o IMEA, o preço médio mensal da safra 2016/17 fechou em R$ 14,49/saca durante abril, “tendo em vista que a grande maioria dos negócios está sendo fechada abaixo do preço mínimo estipulado para o Estado”. A previsão do instituto é que, nos próximos meses, com a ocorrência dos leiloes da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) em Mato Grosso, é aguardada maior fluidez na comercialização do cereal.

O boletim do IMEA ainda revela que a comercialização do milho mato-grossense para a safra 15/16, registrou 99,97% até o mês de abril e um avanço de 0,17% em relação ao mês passado. De acordo com o documento, as cotações seguem em retração com a aproximação da colheita da nova safra, registrando um preço médio mensal dos negócios em R$ 19,08/saca.

Fonte: Só Notícias/Agronotícias

PARTILHAR

Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.