Com tecnologia de R$ 70 mil, produtor usa lavoura para apoiar Bolsonaro

Com tecnologia de R$ 70 mil, produtor usa lavoura para apoiar Bolsonaro

PARTILHAR
Nome do candidato foi feito em plantação em Sidrolândia (Foto: Instagram/Reprodução)

Rodrigo Basso disse que teve a ideia de escrever o nome do candidato durante conversa com o irmão

A imagem já circula na internet há um bom tempo, mas só agora está sendo explicada. O fazendeiro Rodrigo Basso utilizou uma tecnologia de até R$ 70 mil para mostrar, com um desenho em plantações de milho e de soja, o apoio ao candidato a presidência da República Jair Bolsonaro (PSL).

As lavouras estão localizadas em Sidrolândia e Maracaju, a 71 km e 160 km de distância de Campo Grande, respectivamente.

Rodrigo, filho do ex-prefeito de Sidrolândia Ari Basso, conta que as máquinas são acopladas na plantadeira e fazem o plantio obedecendo às linhas do GPS.

“O que desenhar ela obedece. A gente desenhou as letras no computador e passou para o trator. Ele vai andando e quando chega à área marcada não deixa cair semente”, conta.

A primeira foto foi planejada ainda no passado. Segundo o produtor rural, durante conversa sobre qual desenho seria feito sugeriu ao irmão que escrevesse o nome do candidato à presidência.

Utilizaram então sementes para a plantação de soja. A segunda plantação foi com milho. Segundo Basso, de 30 a 40 dias já é possível visualizar a escrita.

“A repercussão tem aumentado. Fizemos o teste da soja e viu que ficou bom, deu certo. Neste sabíamos que seria mais ou menos na época da eleição”, completou.

Basso lembra que atualmente já há máquinas de plantio com sistema de computação capaz de trabalhar de forma semelhante. “O valor agregado dá uns R$ 30 mil com sistema básico”, completa.

A repercussão aumentou depois que o candidato ao cargo de presidente publicou em suas redes sociais imagens da plantação demonstrando o apoio. Nesta terça-feira, a imagem voltou a ser destaque depois que o projeto Comprova, de checagem da veracidade de notícias, confirmou que realmente as plantações tinham a escrita Bolsonaro.

“No que depender de mim, todo homem do campo terá um fuzil”

Fonte: Campo Grande News

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com