Como melhorar a taxa de prenhez do rebanho?

Como melhorar a taxa de prenhez do rebanho?

PARTILHAR
vaca leiteira parida lambendo bezerro
Foto: Divulgação

A utilização de dados tem sido cada vez mais comum no campo, ajudando o setor produtivo a ser mais eficiente e assertividade nas tomadas de decisões.

Um grande volume de informações invade o agronegócio pela agricultura de precisão. A utilização de dados tem sido cada vez mais comum no campo, ajudando o setor produtivo a ser mais eficiente e assertividade nas tomadas de decisões. Assim, a agropecuária ganha mais exatidão, permitindo que se produza mais por menos.

Na pecuária leiteira é possível utilizar essa análise de dados a favor da melhora na taxa de prenhez. Juntamos milhões de da- dos de diagnósticos de gestação e, por meio de ferramentas inovadoras, eficientes e precisas, é possível conquistar mais prenhezes e, consequentemente, mais dinheiro no bolso do produtor.

A taxa de prenhez indica o percentual de vacas que está se tornando gestante em relação ao total de vacas aptas do rebanho, a cada 21 dias. Vacas aptas são aquelas que retornam à reprodução após o período de espera voluntário (PEV), em torno de 45 dias após o parto. Quanto maior a taxa de gestação de um rebanho, maior o retorno econômico para o sistema de produção.

Digamos que o objetivo principal de uma determinada fazenda seja possibilitar o progresso genético mais rápido. Nesse caso, se o produtor optar por touros que ainda não tenham da- dos de fertilidade, é provável que ele tenha algum tipo de prejuízo.

Acurácia nas informações sobre fertilidade são fundamentais

Nas propriedades que adotam a inseminação artificial, as doses de sêmen devem ser provenientes de centrais idôneas e devem apresentar os resultados de testes de fertilidade. Por isso, acurácia nas informações sobre fertilidade são fundamentais. Para ter precisão, os dados devem ser constantes. Sabemos que existem diferenças na fertilidade dos touros, mesmo em curtos períodos de tempo; então é preciso adotar banco de dados que sejam confiáveis e atualizados.

Há quase 20 anos, a Alta desenvolve um programa de coleta e interpretação de dados que identifica os animais com melhor fertilidade no campo. O Concept Plus tem como objetivo apresentar respostas concretas das variações de fertilidade no campo, que não podem ser diagnosticadas apenas por testes laboratoriais.

Para que possamos maximizar ainda mais a acurácia dos resultados serão obtidos em nossos testes de fertilidade, somos os únicos a levar em considera- ção a interferência do efeito do inseminador ou a maneira como foi obtido o cio na fertilidade de um touro em um determinado rebanho. Coletamos dados em rebanhos dos Estados Unidos e do Canadá, não nos limitando apenas a rebanhos americanos que estejam no programa de controle leiteiro oficial. Coleta- mos dados apenas de rebanhos progressivos, com milhares de vacas em produção, onde o manejo é consistente. Os grupos contemporâneos são grandes e atuam sob agressivos programas de reprodução.

Sendo aplicado no Brasil há 17 anos, o programa agora trará ainda mais acurácia em seu novo modelo de avaliação: Concept Plus terá seis avaliações por ano, levando informações com o maior nível de precisão aos produtores. O tradicional programa continuará avaliando sêmen convencional, sendo usado em vacas e também com sêmen convencional, mas no uso em novilhas. O 511 Concept Plus será destina- do a touros avaliados com base em resultados do diagnóstico de prenhezes em sêmen sexado usado em novilhas. Os dados mostram que o mesmo touro pode ter um bom desempenho em fertilidade com sêmen convencional, mas não com sêmen sexado, e vice-versa.

Assim, a Alta passa a entregar agora, separadamente, três avaliações de fertilidade, para poder adotar uma abordagem precisa na gestão da fertilidade em cada rebanho.
Dessa forma, cada touro tem avaliação de sêmen convencional em vacas e novilha, bem como sêmen sexado em novilhas, para que o produtor tenha acesso às mais relevantes informações: progresso genético e conheci- mento de alta fertilidade.

Leia também:

Também é sabido que o inseminador é diretamente responsável pelos resultados das taxas de serviço e concepção. Entre suas funções, podemos citar: a observação diária de cio, a execução correta de todas as etapas da técnica de inseminação, a inseminação no momento mais adequado, a deposição do sêmen no local certo, além da higiene pessoal, com os materiais e os animais. A conscientização desses profissionais sobre a importância das suas funções é fundamental para aumentar a taxa de prenhez.

Apesar de inúmeros fatores alterarem e afetarem o sucesso gestacional, como por exemplo, o estado nutricional das fêmeas, a fazenda em que estão aloja- das, o inseminador, a categoria animal, dentre outros, o Concept Plus consegue – através da análise bioestatística – isolar a influência do touro na taxa de concepção obtida, dando maior precisão da participação do sêmen na prenhez.

Com todos os dados em mãos, o pecuarista consegue tomar as melhores decisões de acordo com o perfil e o objetivo de cada propriedade. Vale lembrar que o bom desempenho reprodutivo é o primeiro passo para o aumento da produção e para o bom desempenho da atividade leiteira.

Fonte: Alta Genetics 

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com