Consumo de lácteos está associado a menor risco de obesidade, diz estudo

PARTILHAR
Fonte: Leite

Os participantes que comem uma porção de laticínios por dia têm 32% menos chance de enfrentar a obesidade e 21% menos chance de ficar acima do peso.

Os consumidores que comem produtos lácteos, bem como frutas e vegetais, podem ter um risco menor de se tornarem obesos, de acordo com um estudo transversal feito com quase 30.000 adultos.

Como um alimento rico em nutrientes, os lácteos, muitas vezes, estão sob o foco de nutricionistas que procuram examinar a relação entre a ingestão de laticínios e o peso corporal.

Um estudo recente conduzido por três pesquisadores da Universidade de Ciências Médicas Shiraz do Irã e da Universidade de Ciências Médicas Ahvaz Jundishapur examinou o índice de massa corporal (IMC) e dados de ingestão alimentar de um estudo transversal nacional em mais de 30.000 iranianos para obter informações sobre como consumir frutas, vegetais e laticínios podem estar associados ao risco de obesidade.

Embora o estudo tenha várias limitações, como a indisponibilidade de dados sobre a ingestão de produtos lácteos com alto e baixo teor de gordura, ele tem valor estatístico significativo devido ao grande número de participantes na pesquisa que examina.

Participantes de todas as províncias do Irã, exceto uma, preencheram um questionário adaptado à estrutura de pesquisa STEPS da Organização Mundial da Saúde, com perguntas sobre históricos médicos e ingestão alimentar, bem como sobre atividade física, status socioeconômico e muito mais. Os participantes também foram divididos em categorias com base em seu peso/IMC.

De um grupo de 30.541 adultos no total, 30.042 foram selecionados após um exame físico para participar de um outro questionário destinado a descobrir quantas porções de frutas, vegetais e laticínios os participantes consumiam por dia. As respostas foram então comparadas em todas as categorias de peso: baixo peso (IMC inferior a 18,5), peso normal (18,5-24,9), sobrepeso (25-29,9) e obesidade (30 ou superior).

De acordo com os resultados, os participantes que comem uma porção de laticínios por dia têm 32% menos chance de enfrentar a obesidade e 21% menos chance de ficar acima do peso, em comparação com aqueles que consumiram menos do que isso. E mesmo quando as porções de laticínios eram mais de duas por dia, isso foi associado a uma probabilidade 17% menor de obesidade.

O excesso de peso também era menos provável para aqueles que consumiam duas e mais de duas porções de laticínios por dia – as chances eram de 23% e 21%, respectivamente – em comparação com aqueles que comiam menos de uma única porção.

Consumir mais de duas porções de frutas por dia também foi associado a um menor risco de sobrepeso (26%) ou obesidade (21%).

“Essas descobertas indicaram que mais consumo de frutas, vegetais e laticínios pode estar associado a menores chances de sobrepeso e obesidade”, escreveram os pesquisadores, observando que “mais estudos são necessários para confirmar as descobertas de nosso estudo”.

Fonte: MilkPoint

🚀 Quer ficar por dentro do agronegócio brasileiro e receber as principais notícias do setor em primeira mão? ✅ 👉🏽 Para isso é só entrar em nosso grupo do WhatsApp (clique aqui) ou Telegram (clique aqui). 🚜🌱 Você também pode assinar nosso feed pelo Google Notícias

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com