Cotação no BR tem leve alta com exportações aquecidas

Cotação no BR tem leve alta com exportações aquecidas

As exportações aquecidas em janeiro e incertezas quanto ao semeio de milho segunda safra têm resultado em pequenas altas nos preços de milho.

No geral, compradores priorizam negociações pontuais, enquanto vendedores estão recuados – muitos vendedores seguem dando preferência para a comercialização da soja. Entre 2 e 9 de fevereiro, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa (referência Campinas – SP) avançou 0,42%, fechando a R$ 33,34/saca de 60 kg na sexta-feira, 9.

Quanto à produção de milho na safra 2017/18, novas estimativas confirmam a expectativa de ajustes negativos. Mesmo com queda na produção, os estoques elevados devem manter o mercado interno abastecido.

Fonte: Cepea

-- conteúdo relacionado --
Alta do dólar e menor oferta na ar elevam preços i... A valorização do dólar, a menor oferta na Argentina e expectativas de aumento nas exportações brasileiras impulsionaram os preços internos da soja em ...
Maçã fresca: Índia abre mercado para exportação do... País asiático deverá ser o principal destino da fruta brasileira em 2018, prevê associação de produtores rurais. A Índia autorizou a importação de ma...

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com