Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?

Recuperações judiciais no agro disparam 300%

O estado de Mato Grosso destaca-se como líder no volume de solicitações de recuperação judicial; tendência reflete as dificuldades com principalmente com o clima

No ano passado, observou-se um notável aumento nos pedidos de recuperação judicial apresentados por produtores rurais, levantando preocupações para o ano de 2024. Segundo dados do Serasa Experience, de janeiro a setembro de 2023, foram registrados 80 pedidos de recuperação judicial no Brasil. Este número representa um aumento expressivo de 300% em comparação ao total registrado ao longo de todo o ano de 2022.

Essa tendência reflete as dificuldades financeiras enfrentadas pelos produtores rurais, as quais foram agravadas pelo desempenho da safra de grãos. O aumento significativo nos pedidos de recuperação judicial destaca os desafios enfrentados pelo setor agrícola, que incluem flutuações nos preços das commodities, condições climáticas adversas, elevação das taxas de juros e os impactos contínuos da pandemia.

Leonardo Ribeiro Dias, especialista em contencioso, arbitragem e insolvência no renomado escritório de advocacia Marcos Martins Advogados, esclareceu que o processo de recuperação judicial consiste em uma negociação coletiva. Nesse processo, as empresas apresentam um plano de recuperação aos credores, buscando resolver suas dívidas e superar a crise econômico-financeira de maneira colaborativa.

O notável aumento nos pedidos de recuperação judicial pode ser atribuído a uma série de fatores tanto internos quanto externos, como elevados níveis de alavancagem, complicações nas negociações com credores, conflitos societários e desafios na administração. No entanto, é crucial destacar que cada situação é única, e a escolha de optar pela recuperação judicial dependerá de uma análise minuciosa da circunstância específica de cada produtor.

O estado de Mato Grosso, reconhecido como o maior produtor de grãos do Brasil, lidera o ranking de pedidos, enfrentando desafios, sobretudo relacionados a condições climáticas irregulares. A recuperação judicial surge como uma alternativa para os produtores que enfrentam dificuldades em cumprir seus compromissos devido às adversidades nas safras.

Dias ressaltou a importância de contar com uma assessoria especializada para guiar os produtores, auxiliando-os na adoção das melhores medidas para enfrentar suas dificuldades financeiras. A decisão de buscar a recuperação judicial deve ser ponderada com cuidado, levando em consideração todas as opções disponíveis e buscando a solução mais apropriada para cada caso.

Escrito por Compre Rural

VEJA TAMBÉM:

ℹ️ Conteúdo publicado pela estagiária Ana Gusmão sob a supervisão do editor-chefe Thiago Pereira

Quer ficar por dentro do agronegócio brasileiro e receber as principais notícias do setor em primeira mão? Para isso é só entrar em nosso grupo do WhatsApp (clique aqui) ou Telegram (clique aqui). Você também pode assinar nosso feed pelo Google Notícias

Não é permitida a cópia integral do conteúdo acima. A reprodução parcial é autorizada apenas na forma de citação e com link para o conteúdo na íntegra. Plágio é crime de acordo com a Lei 9610/98.

Siga o Compre Rural no Google News e acompanhe nossos destaques.
LEIA TAMBÉM