Dicas para gerenciar sua fazenda, listamos as competências

Dicas para gerenciar sua fazenda, listamos as competências

Zona rural
Foto: Reprodução
O cenário atual do país mostra que se o produtor rural não tiver um nível de gerenciamento de sua propriedade em um nível razoável terá enormes dificuldades para sair dessa fase econômica do país ou até sair do mercado.

Não importa se a sua renda vem da agricultura ou da pecuária, o importante é aprender a gerir bem o negócio para maximizar a produção e, consequentemente, os lucros. Para isso, investir em gestão é fundamental. “Conhecer os custos de produção da sua propriedade rural é fundamental para alcançar o sucesso nas atividades agropecuárias”, diz Marcelo Carvalho, técnico do Senar.

Dicas importantes para organizar o seu negócio rural

O primeiro passo é escolher uma forma simples para armazenar as informações financeiras. As principais opções são: caderno, planilha específica ou computador. Para conhecer a renda real da propriedade é essencial saber o que foi produzido, então não se esqueça de registrar todos os dados da produção, seja ela em litros, quilos, toneladas, unidades ou caixas. Outro ponto essencial para uma boa administração é ter anotado os gastos com mão de obra, as horas trabalhadas pelos funcionários, a atividade que cada um desempenhou e o valor gasto com salários.

Também é necessário ter competências

A primeira é a competência técnica, ou seja, saber fazer aquilo que deve ser feito, na prática. Essa competência é diferente da competência acadêmica. A acadêmica é quando conhecemos um assunto apenas na teoria e nunca o desenvolvemos na prática. Ninguém exige do produtor rural um diploma ou certificado técnico, mas exige que ele tenha um conhecimento atualizado e abrangente, de ordem prática. Conhecimento técnico profundo é atribuição do técnico especializado.

Saber lidar com funcionários, eles interferem diretamente no seu negócio

Competência interpessoal é saber lidar com o outro, é saber se relacionar bem com a equipe de trabalho. Ninguém vai exigir dos produtores rurais um diploma ou um certificado de relações humanas, mas com certeza é necessário que tenhamos uma sensibilidade desenvolvida para perceber as necessidades e os desejos de nossa equipe de trabalho.

A competência cultural é aquela na qual o saber é mais abrangente, mais amplo. Esta condição não é obrigatória, mas é recomendada para ajudar no desenvolvimento de sua equipe de trabalho. Saber o que está acontecendo no mundo, no seu país, no seu estado, no seu município, na sua cidade, através de noticiários no rádio, na TV ou no jornal, é estar bem informado. O conhecimento até de outras línguas, de estatística, de informática e outros, acabam contribuindo com o seu desenvolvimento pessoal e o desenvolvimento de sua equipe de trabalho. Então, a competência cultural facilita um contato mais qualificado e competitivo com os concorrentes no mercado produtivo nacional e internacional.

Curso de Gerenciamento de fazendas começa nesta segunda, confira informações clicando no banner abaixo.
Gerenciamento de fazendas
Foto: Divulgação

1 COMENTÁRIO