Elon Musk se une com gigante dos tratores para mudar Agro do Brasil

Enquanto o mundo se moderniza, certas regiões, especialmente as rurais e campestres, enfrentam desafios por causa da escassez de conectividade. Essas áreas frequentemente ficam à margem dos avanços tecnológicos. Contudo, uma mudança significativa está no horizonte com o estabelecimento de uma parceria inovadora entre a SpaceX, do bilionário Elon Musk, e a John Deere, uma das maiores empresas de máquinas agrícolas do mundo. Este novo acordo promete ser um marco para o avanço tecnológico no campo, em especial para o agro brasileiro.

A parceria estratégica entre essas duas gigantes visa aumentar a eficiência na agricultura, focando principalmente nas áreas rurais com acesso limitado à internet. Isso será possível através da integração do serviço de internet via satélite Starlink, da SpaceX, com as máquinas agrícolas produzidas pela John Deere, transformando a forma como a agricultura é conduzida em locais remotos.

Sobre a parceria da SpaceX com a John Deere

A Deere Company, mais conhecida como John Deere, divulgou recentemente a formalização de uma parceria com a SpaceX, empresa liderada pelo empresário Elon Musk, com o objetivo de disponibilizar serviços de conectividade via satélite (SATCOM) para o setor agrícola.

Por meio da utilização da rede Starlink, que é referência no mercado, os agricultores que sofrem com problemas de conectividade nas áreas rurais poderão acessar de forma plena as tecnologias de agricultura de precisão.

Esse acordo possibilitará aos clientes da John Deere aumentar a produtividade, rentabilidade e sustentabilidade de suas atividades agrícolas, enquanto continuam a suprir suas comunidades e o mundo com alimentos, combustíveis e fibras, contribuindo para o sustento de uma população mundial em expansão.

Starlink, o negócio de Musk conhecido por sua capacidade de fornecer internet de alta velocidade em locais remotos, será uma grande mudança para os agricultores.

O valor da conectividade para os agricultores é mais abrangente do que qualquer ação individual já realizada. A conectividade desbloqueia enormes oportunidades que antes eram limitadas ou estavam indisponíveis”, afirmou durante o anúncio Aaron Wetzel, vice-presidente de sistemas de produção e agricultura de precisão da John Deere.

Por exemplo, ao longo de todo o ano, os agricultores precisam concluir tarefas em janelas de tempo muito curtas. Esta dinâmica exige a execução de etapas de produção extremamente precisas, paralelamente à coordenação entre as máquinas e o gerenciamento do seu desempenho. Cada uma dessas áreas é aprimorada pela conectividade, o que torna toda a operação mais eficiente, eficaz e rentável”, completa.

Colheitadeira X9 1000
Foto: Jonh Deere

Quais serão as abrangências dessa aliança?

Os planos ambiciosos do bilionário e fundador da SpaceX, Elon Musk conta atualmente com cerca de 5.300 satélites em órbita e planos de expandir para 42.000, a empresa continua buscando novos clientes ao redor do mundo. Nesse cenário, sua integração nos tratores da John Deere será particularmente relevante nos EUA e no Brasil, onde uma parte significativa das áreas rurais sofre com o baixo acesso a conexão de internet.

Na verdade, nos Estados Unidos, aproximadamente 30% dessas áreas têm acesso limitado à internet, mas no Brasil esse número chega a mais de 70%, destacando a mudança que essa parceria trará para o agro brasileiro.

Assim, esse acordo beneficiará centenas de agricultores. Embora os preços das antenas e dos serviços de software para a conectividade Starlink ainda não tenham sido determinados, essa colaboração marcará uma nova era para a empresa de Musk. Mas, se você quer se antecipar e deseja ter acesso a antena da Starlink, aproveite a promoção lançada para esse mês de abril, clique aqui e saiba mais.

parceria da SpaceX com a John Deere

Sobre a solução SATCOM e o lançamento da parceria da SpaceX com a John Deere no Brasil

A solução SATCOM promoverá a conexão de equipamentos agrícolas novos e já em uso através de serviços de internet via satélite e terminais robustos. Essa tecnologia habilitará recursos como autonomia, compartilhamento de dados em tempo real, diagnósticos à distância, suporte técnico avançado e comunicação entre máquinas, melhorando a eficiência e o tempo produtivo dos agricultores.

Jahmy Hindman, vice-presidente sênior e CTO da John Deere, afirmou: “Ao implementar a conectividade via satélite no setor agrícola em larga escala, possibilitamos que agricultores com limitações de cobertura de celular possam extrair o máximo valor das conexões em suas operações. A solução SATCOM intensifica as tecnologias já existentes da John Deere e permite o uso completo de tecnologias de precisão agrícola, juntamente com futuras inovações”.

A John Deere implementará a solução SATCOM utilizando a rede de satélites de baixa órbita Starlink, da SpaceX. As concessionárias John Deere farão a instalação de terminais Starlink em máquinas compatíveis, que foram testadas para suportar condições agrícolas adversas, junto com um modem JDLink™ 4G LTE para conectar as máquinas ao John Deere Operations Center™.

O lançamento da solução SATCOM será inicialmente restrito aos Estados Unidos e ao Brasil, começando no segundo semestre de 2024. E você, está preparado para o futuro do agro brasileiro?

John Deere Investe mais de R$ 700 Milhões na Fábrica de Catalão

A multinacional anunciou nesta segunda-feira (22) um investimento de mais de R$ 700 milhões em sua fábrica em Catalão, Goiás. A expansão visa aumentar a infraestrutura existente para atender à crescente demanda por alimentos globalmente, além de nacionalizar a produção do sistema de pulverização inteligente See & Spray™.

O diretor da fábrica da John Deere em Catalão, Edison Drescher, explicou que a ampliação envolverá a adição de mais de 20 mil metros quadrados aos 69 mil metros quadrados já existentes. “Para dar suporte ao crescimento da empresa no Brasil, este investimento deve gerar cerca de 400 novos empregos nos próximos cinco anos, sendo 100 diretos e 300 indiretos”, disse Drescher.

O investimento também permitirá que a John Deere comece a produzir o sistema See & Spray no Brasil. A tecnologia utiliza visão computacional, inteligência artificial e machine learning para aplicar herbicidas apenas nas áreas necessárias. Durante testes realizados no Brasil, o sistema See & Spray Select comprovou uma redução de até 97% no uso de herbicidas não residuais, contribuindo para a sustentabilidade da produção agrícola e gerando economia para os produtores.

Quer ficar por dentro do agronegócio brasileiro e receber as principais notícias do setor em primeira mão? Para isso é só entrar em nosso grupo do WhatsApp (clique aqui) ou Telegram (clique aqui). Você também pode assinar nosso feed pelo Google Notícias

Não é permitida a cópia integral do conteúdo acima. A reprodução parcial é autorizada apenas na forma de citação e com link para o conteúdo na íntegra. Plágio é crime de acordo com a Lei 9610/98.

Luzes, Câmera, Quarto de Milha: A Arte de Ysa Mottola na Fotografia Equina

Na intersecção entre a arte visual e a paixão pelos cavalos, emerge uma narrativa fascinante de como a fotografia equina pode transcender simples registros para se tornar uma expressão vívida da beleza e da alma desses magníficos animais. Neste contexto, destacamos a trajetória de Ysa Mottola, uma fotógrafa cujo olhar sensível e técnica habilidosa elevam…

Continue Reading Luzes, Câmera, Quarto de Milha: A Arte de Ysa Mottola na Fotografia Equina

Nova Toyota Bandeirante revoluciona ao integrar clássico ao ultra moderno

A nova Bandeirante é mais do que uma simples picape, é um testemunho da fusão entre a robustez e a inovação tecnológica avançada. Concebida pela Compre Rural em parceria com a IA, essa picape incorpora não apenas a confiabilidade e resistência características da marca, mas também integrações modernas que elevam o padrão de desempenho dessa…

Continue Reading Nova Toyota Bandeirante revoluciona ao integrar clássico ao ultra moderno

Crise: Empresa de carne cultivada fecha suas portas

A SCiFi Foods, uma startup inovadora no setor de carne cultivada, recentemente encerrou suas operações em meio a um cenário desafiador de captação de recursos. Com sede em San Leandro, a empresa havia levantado cerca de US$ 40 milhões desde sua fundação em 2019. Este fechamento reflete as dificuldades enfrentadas pelo setor emergente de carne…

Continue Reading Crise: Empresa de carne cultivada fecha suas portas

Siga o Compre Rural no Google News e acompanhe nossos destaques.
LEIA TAMBÉM