Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?

Empresa de energia solar aplica golpe de R$ 140 mil

Conforme a PM, as vítimas de Montes Claros relataram que por volta dos meses de novembro e dezembro de 2022, após indicações, contrataram os serviços da empresa, que é de Pirapora.

O dono de uma empresa de energia solar, de 44 anos, foi preso nesta terça-feira (14) suspeito de aplicar golpe em clientes, em Montes Claros. Segundo a Polícia Militar, pelo menos nove pessoas foram vítimas de estelionato, elas efetuaram o pagamento por um serviço que não foi executado. Os pagamentos foram feitos via cartão de crédito, pix e dinheiro. O valor total embolsado é de R$ 139.340.

Conforme a PM, as vítimas relataram que por volta dos meses de novembro e dezembro de 2022, após indicações, contrataram os serviços da empresa, de Pirapora, para aquisição e instalação de usinas fotovoltaicas nas residências e comércios. No entanto, o suspeito não cumpriu com os prazos ou compromissos firmados em contrato.

Ainda de acordo com a Polícia, quando questionado pelas vítimas, o homem inventava desculpas com o objetivo de conseguir mais tempo, argumentando que o material para a obra não tinha sido entregue pela fornecedora. Desconfianda, uma das vítimas entrou em contato com a fornecedora, que disse que dono da empresa de energia solar possuía cadastro, mas não tinha efetuado nenhuma compra. Posteriormente, o suspeito confessou às vítimas que havia gastado todo o dinheiro, e que não tinha condições de realizar o serviço nem de devolver a quantia desviada.

Fonte: G1

Quer ficar por dentro do agronegócio brasileiro e receber as principais notícias do setor em primeira mão? Para isso é só entrar em nosso grupo do WhatsApp (clique aqui) ou Telegram (clique aqui). Você também pode assinar nosso feed pelo Google Notícias

Não é permitida a cópia integral do conteúdo acima. A reprodução parcial é autorizada apenas na forma de citação e com link para o conteúdo na íntegra. Plágio é crime de acordo com a Lei 9610/98.

Siga o Compre Rural no Google News e acompanhe nossos destaques.
LEIA TAMBÉM