Estiagem entre abril e março prejudica qualidade da silagem para o gado

Estiagem entre abril e março prejudica qualidade da silagem para o gado

PARTILHAR
trator prensando silagem de milho
Foto: Better Crops by Barker

As perdas nas lavouras já atingem 30% em algumas regiões do interior de São Paulo, silagem perde a qualidade

A estiagem entre os meses de abril e maio elevou os preços do milho e também prejudicou a qualidade da silagem que está sendo produzida para o gado. Em algumas regiões de São Paulo, as perdas nas lavouras já atingem 30%.

O produtor rural de Laranjal Paulista (SP), Nivaldo Zanella, explica que a lavoura sofreu com a seca. Com menos grãos e mais folhas secas, o alimento para o gado perdeu qualidade. “Tanto para silagem quanto para engorda, nós vamos fazer mas bem dizer tá tudo perdido. É só para enchimento. Tem que gastar mais ração, tudo a mais o custo vai subir por falta de chuva”, afirma.

Em outra propriedade do município a condição da lavoura não é muito diferente. O agricultor Fernando Ghirardi estima perdas acima da média da região, que está em torno de 30% por causa da seca.

“Em torno de 40% a 50%. Tem áreas que perdeu mais, outras um pouco menos. Tem área que perdeu de 70% a 80%.”

De acordo com a engenheira agrônoma Maria Manuela Rocha, a recuperação das lavouras será difícil de acontecer. “O milho que teve o plantio um pouco mais tardio, que saíram da janela de plantio, esses provavelmente já estão comprometidos. Já os que foram plantados anteriormente ainda tem alguma chance de recuperação, mas no total eu acho bem difícil”, explica

Fonte: Canal Rural

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com