PARTILHAR
fit-agro-aquidauana-ms
Foto: FIT Agro - Aquidauana/MS

Confira algumas dicas – na prática – de como evitar falhas na gestão da sua fazendas de gado de corte, com isso gerar o lucro na pecuária.

Todo produtor deve ter frases em mente: “a gestão eficiente é feita a partir de dados precisos” e “todo processo que envolve ação humana corre o risco de apresentar falhas”. Por mais cautelosos que sejamos, e por mais treinados que nós ou que nossos funcionários estejam, eventualmente uma falha vai ocorrer. E falhas sempre trazem consequências.

Listamos abaixo, através de contato com especialistas, alguns tipos de situações que podem acontecer em uma fazenda de gado de corte:

Pesagem e manejo do gado

Para se ter informações precisas sobre seu rebanho, primeiramente é importante que o processo de pesagem siga uma padronização: horário, regime alimentar e animal sem stress.

fit-agro-aquidauana-ms
Foto: FIT Agro – Aquidauana/MS

Além disso, sabemos que o trabalho de pesagem e manejo pode ser desgastante tanto para o animal quanto para os funcionários da fazenda, mesmo quando o rebanho é pequeno. Com o gado agitado, por vezes obrigando o funcionário ao retrabalho, é comum erros nas anotações de informações, como o peso e o número do brinco do animal, por exemplo.

Esse tipo de informação estando errada poderá gerar uma série de prejuízos ao pecuarista: uma formulação de ração errada ou até mesmo um animal sendo enviado para o abate antes da hora.

E se os seus funcionários se utilizam de cadernetas ou cadernos de campo, a situação pode ser ainda mais grave: mesmo que anotando todas as informações da maneira correta, seu funcionário pode extraviar o caderno ou fazer com que ele fique ilegível em algum acidente, como molhá-lo, derrubá-lo na lama, etc., ou até mesmo anotar as informações em uma letra que seja impossível de entender. E todas as informações de um dia todo de manejo podem ser perdidas.

fit-agro-aquidauana-ms
Foto: FIT Agro – Aquidauana/MS

Na sede da fazenda

Nem todos os erros referentes a anotações de informações acerca de um animal ocorrem no momento do manejo. Utilizando-se do tradicional método de anotar as informações em um caderno de campo e depois passar tudo para uma planilha de Excel, aquele que está digitando também pode cometer alguma falha, que levará a uma tomada de decisão menos assertiva (e capaz de gerar prejuízos).

Além disso, tornar toda a gestão de sua propriedade dependente do uso de planilhas do Excel pode ser bastante arriscado. Basta um problema no HD de seu computador, e todas as informações sobre seu gado estarão perdidas, sem condições de serem recuperadas (inclusive, fizemos um post sobre quando você deve abandonar as planilhas e partir para uma gestão mais profissional de sua fazenda).

fit-agro-aquidauana-ms
Foto: FIT Agro – Aquidauana/MS

Como evitar os problemas na gestão do gado

Apostando na automatização da coleta de informações, você reduz o número de falhas para praticamente zero, e evita perda de preciosos dados para a gestão de sua fazenda. Você pode ver algumas evoluções aqui. Além de diminuir o risco de falhas e de informações erradas, o uso de bastões, brincos e balanças eletrônicas reduz significativamente o tempo necessário para essa operação.

Essas ferramentas eletrônicas podem também ser integradas com o JetBov, uma plataforma de gestão que é considerada uma das melhores do país no segmento da pecuária, e que dá ao pecuarista agilidade, segurança dos dados, maior controle sobre seu rebanho e propriedade, e condições de tomar decisões muito mais assertivas, que levarão a resultados muito melhores.

banner-jetbov1

Quer saber mais? Conheça mais sobre a JetBov, clicando aqui.

Dúvidas e informações?

Informe abaixo seus dados e sua dúvida que prontamente iremos responder.


Importante informar a sua cidade também.

As imagens desse post foram cedidas gentilmente pela fazenda FIT Agro, de Aquidauana/MS

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com