Expectativa positiva para os criadores de Brangus na Expointer

Expectativa positiva para os criadores de Brangus na Expointer

brangus
Fonte e foto: Paulo André Dutra/Portal do Produtor

A raça Brangus está dentro deste seleto grupo. De 53 animais em 2016, o número de animais participantes em 2017 passou a 59.

Em uma edição com retração no número de inscritos em praticamente todas as áreas, poucos setores tem a condição de comprovar crescimento.

A raça Brangus está dentro deste seleto grupo. De 53 animais em 2016, o número de animais participantes em 2017 passou a 59.

O presidente do Núcleo Brangus Sul, Pedro Surreaux Ribeiro Tellechea, confirma o momento positivo. “Nossa expectativa já foi superada, pois tivemos um incremento de inscrições, ao contrário de outras raças. Estamos atraindo pessoas de todo o país e também de países vizinhos, que vem apreciar o desenvolvimento de nossa genética”, relata.

Para a Associação Brasileira de Brangus, os números da Expointer refletem uma conjuntura mais ampla. O diretor de relações internacionais, Fernando Barros Waihrich, confirma que além de mais animais na feira, aumentou o número de expositores e de criadores no país.

Ou seja, “isso nada mais é do que o aumento da demanda pela raça”. Segundo ele, a utilização do Brangus para o cruzamento industrial no Centro-Oeste, para onde embarcam 60% dos touros leiloados no Rio Grande do Sul, garante 100% de liquidez nas vendas.

Waihrich também argumenta que a raça é a que traz maior retorno, com carne de qualidade e valorização pelas indústrias com os programas de bonificação. “Ao mesmo tempo que melhora o produto final, deixa mais renda ao produtor”.]

PROGRAMAÇÃO

28/08
14 horas – Julgamento de classificação de animais de argola
19 horas – Coquetel entrega de prêmios
Leilão Noite dos Campeões

03/09
Saída dos animais do parque

Fonte: Brangus.org