Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?

Falta de chuva impede início do plantio da safra 2023/24 de soja no Piauí

A área de soja prevista para o estado foi estimada pela Conab em 1,072 milhão de hectares, contra os 976 mil hectares do ano passado.

O plantio de soja ainda não teve início no estado do Piauí por conta da falta de chuvas ao longo do mês de outubro, de acordo com o diretor executivo da Associação dos Produtores de Soja (Aprosoja Piauí), Rafael Maschio, que concedeu entrevista à Agência SAFRAS.

Ele destaca que o cultivo está de 15 a 20 dias atrasado frente ao mesmo período do ano passado, quando parte da área já havia sido cultivada na primeira metade de outubro. A expectativa é de que a chuva possa começar no estado a partir de 2 de novembro.

Rafael informa que a área de soja prevista para o estado foi estimada pela Conab em 1,072 milhão de hectares, contra os 976 mil hectares cultivados no ano passado. Na última safra, os produtores do estado colheram em média 3.690 quilos por hectare de soja. Neste ano, por conta dos custos mais apertados e das preocupações em torno do El Niño e seus efeitos sobre as lavouras, o rendimento médio esperado deve oscilar entre 3.300 e 3.600 quilos por hectare.

Por enquanto, a expectativa de chuva para os meses de novembro e dezembro não é das melhores, muito embora sejam esperados volumes mais expressivos para o período de janeiro a março, quando se define a safra na região.

Rafael ressalta que o produtor do Piauí manteve os níveis de investimentos em tecnologia, muito embora ele esteja preocupado com o cenário de clima e de custos. “Hoje o produtor não tem mais margem para erros, pois a rentabilidade da soja ao produtor caiu bastante. Embora tenha havido um declínio nos custos de produção entre 10% a 15% frente à temporada 2022/23, os preços pagos pela soja tiveram uma queda entre 30% a 40%, o que deixa os produtores cautelosos”, conclui.

Segundo levantamento de SAFRAS & Mercado, o plantio de soja no Piauí deve ocupar um milhão de hectares na safra 2023/24, avançando 5,3% frente aos 950 mil hectares cultivados na temporada 2022/23. A produção de soja no estado é estimada por SAFRAS em 3,582 milhões de toneladas, crescendo 3,5% frente à safra 2022/23, de 3,46 milhões de toneladas. O rendimento médio é estimado em 3.600 quilos por hectare, abaixo dos 3.660 quilos obtidos na temporada passada.

Fonte: Agência Safras

ℹ️ Conteúdo publicado por Myllena Seifarth sob a supervisão do editor-chefe Thiago Pereira

Quer ficar por dentro do agronegócio brasileiro e receber as principais notícias do setor em primeira mão? Para isso é só entrar em nosso grupo do WhatsApp (clique aqui) ou Telegram (clique aqui). Você também pode assinar nosso feed pelo Google Notícias

Não é permitida a cópia integral do conteúdo acima. A reprodução parcial é autorizada apenas na forma de citação e com link para o conteúdo na íntegra. Plágio é crime de acordo com a Lei 9610/98.

Siga o Compre Rural no Google News e acompanhe nossos destaques.
LEIA TAMBÉM