Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?

Fávaro afirma, no Show Rural, que governo está atento às demandas do agro brasileiro

Fávaro citou, entre outros, o lançamento do maior Plano Safra da história do País que disponibilizou R$ 400 bilhões ao setor.

O ministro da Agricultura, Carlos Fávaro, disse na manhã desta quarta-feira, 7, no Show Rural Coopavel, em Cascavel, que o governo federal está atento às demandas e às expectativas do agronegócio brasileiro. Fávaro citou, entre outros, o lançamento do maior Plano Safra da história do País que disponibilizou R$ 400 bilhões ao setor. “E, graças à agilidade do Banco do Brasil, esse dinheiro chega rápido onde precisa e o retorno, além de mais produção, está nos empregos e em mais desenvolvimento”.

São 21 instituições, segundo Fávaro, operacionalizando os recursos do Plano Safra, dando mais oportunidades e competividade a uma área indispensável ao País. O ministro informou também que já começaram as operações do pré-custeio para a nova safra, fator que garante mais tranquilidade ao campo. “É uma grande alegria estar aqui no Show Rural, a primeira das grandes feiras que abre o calendário nacional de eventos técnicos pelo Brasil. É aqui que o agropecuarista decide sobre o que comprar e como investir para melhorar ainda mais os resultados”.

Fávaro anunciou a liberação de mais R$ 4 bilhões para produtores rurais investirem em novas tecnologias e citou também sobre estoques reguladores, uma estratégia do governo para, segundo o ministro, dar mais estabilidade ao setor. “Quero dizer também que o ano de 2023 foi especial. Mostramos o agro brasileiro, sua qualidade, competência e sanidade, para o mundo, e conseguimos, com isso, abrir 78 novos mercados aos produtos nacionais, em 39 países”, afirmou Fávaro, atribuindo esse sucesso à competência do agricultor, das cooperativas e empresas. Para 2024, seguiu ele, o desafio é conseguir acesso às proteínas nacionais aos mercados do Japão e Coreia do Sul.

Sobre a importação de tilápias do Vietnã, Carlos Fávaro afirmou que as tratativas foram suspensas para uma rigorosa revisão de todos os protocolos sanitários. “Ao agradecer a recepção de Dilvo Grolli, o ministro citou o Show Rural e o estreitamento do diálogo com as cooperativas, área que integra mais de 20 milhões de brasileiros”. O secretário nacional de Política Agrícola, Neri Geller, destacou a importância de debates fundamentais que começam a ser aprofundados nas áreas de infraestrutura, melhorias no seguro agrícola, entre outros. “Estamos alinhados com o setor produtivo nacional”, reforçou.

Encontro de tecnologias

O presidente da Coopavel, Dilvo Grolli, agradeceu a visita de Fávaro e Geller e classificou o Show Rural como um centro no qual há o encontro das tecnologias locais, nacionais e mundiais. “Esse evento oferece tudo isso ao produtor, com o equilíbrio necessário para os mais diferentes avanços”. O ministro da Agricultura, Norberto Ortigara, lembrou das dificuldades de preços e perda de safra e que juntos será possível encontrar a melhor saída para atender os produtores. Segundo Ortigara, o Brasil deverá chegar em poucos anos a 36 milhões de toneladas de proteínas produzidas e a 400 milhões de toneladas de grãos. Em seguida, Fávaro e comitiva cumpriram diversas agendas pelo parque.

Fonte: Show Rural Coopvael

VEJA TAMBÉM:

ℹ️ Conteúdo publicado por Myllena Seifarth sob a supervisão do editor-chefe Thiago Pereira

Quer ficar por dentro do agronegócio brasileiro e receber as principais notícias do setor em primeira mão? Para isso é só entrar em nosso grupo do WhatsApp (clique aqui) ou Telegram (clique aqui). Você também pode assinar nosso feed pelo Google Notícias

Não é permitida a cópia integral do conteúdo acima. A reprodução parcial é autorizada apenas na forma de citação e com link para o conteúdo na íntegra. Plágio é crime de acordo com a Lei 9610/98.

Siga o Compre Rural no Google News e acompanhe nossos destaques.
LEIA TAMBÉM