Feira no Panamá evidencia grande procura pela raça Girolando

Feira no Panamá evidencia grande procura pela raça Girolando

PARTILHAR
vacas-girolando-Capinopolis-MG
Vacas em lactação da Fazenda Quilombo, Seleção de Gir Leiteiro e Girolando, em Capinópolis-MG / Foto: Padma Consultoria Pecuária @padmaconsultoria

Com a pecuária leiteira em franco crescimento na América Central, a raça Girolando tem chamado a atenção dos visitantes da Feira Nacional de David, no Panamá.

O evento, que acontece de 16 e 26 de março, conta com a participação da Associação Brasileira dos Criadores de Girolando e das empresas associadas do projeto Brazilian Girolando e deve resultar em uma importante parceria entre os dois países.

O coordenador Operacional do Programa de Melhoramento Genético da Raça Girolando (PMGG), Marcello Cembranelli, reuniu-se na última segunda-feira (19/03) com representantes da Associação de Criadores de Gado Leiteiro do Panamá (APROGALPA) para definir detalhes do acordo que pode ser firmado na área de registro genealógico. Este convênio já existe com vários outros países da América Central e do Sul e possibilita o registro de rebanhos dos países conveniados por técnicos da Girolando.

Reuniao-Aprogalpa-Girolando-Panama
Foto: Divulgação

De acordo com o consultor do Brazilian Girolando Jorge Dias, o interesse pela raça é cada vez maior na América Central. “O Panamá é um mercado muito estratégico para o Brasil, pois tem livre comércio com os outros países centro-americanos e da América do Norte, ou seja, pode ser a porta de entrada da genética Girolando para diversos outros mercados importantes”, destaca Dias. O protocolo sanitário entre Brasil e Panamá permite a exportação de sêmen e embriões, principais produtos enviados atualmente para aquele país pelas empresas brasileiras.

O estande do Brazilian Girolando na Feira Nacional de David tem recebido muitos pecuaristas da América Central. Segundo o coordenador do PMGG, entre os assuntos mais solicitados por eles, estão os tipos de cruzamento possíveis com a raça Girolando e como utilizá-los de acordo com cada sistema de produção. Na próxima sexta-feira, no período da manhã, Cembranelli fará uma palestra para técnicos e produtores rurais da cooperativa panamenha Cooleche e abordará o tema “Touro Girolando, eu uso, eu confio, eu recomendo”.

Quem passa pelo estande do Brazilian Girolando também está recebendo informações sobre genética e tecnologias oferecidas pelas empresas associadas ao projeto e enviaram representantes ao evento.

Atualmente, dezoito empresas participam do Brazilian Girolando, que são: Alta Genetics, Agroexport, Biovitro, Matsuda, Mercado do Gado, LinkGen e os criatórios Fazenda Canoas, Fazenda Congonhas, Fazenda Mutum, Fazenda Santa Luzia/São José do Can Can, Fazenda Uberaba, Fazenda Valinhos/Java Pecuária, Genética Boa Fé Global, Genética Nova Terra, IAO Agropecuária, RC Gir e Girolando, Vila Rica Agropecuária e Xapetuba Agropecuária.

-- conteúdo relacionado --
Justiça suspende compra da Itambé por Lactalis Duas semanas após a compra do laticínio mineiro Itambé pela francesa Lactalis, a Justiça suspendeu a operação nesta segunda-feira (18). A decisão, do...
150 itens rurais que podem receber recurso federal Portaria do Mapa facilita e qualifica uso de dinheiro público, aumentando a renda e a produtividade. Recursos destinados a municípios por meio de rep...

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com