Frigoríficos querem mais negócios com árabes

PARTILHAR
confinamento-monte-alegre-bois-olhando
Foto: Reprodução / Confinamento Monte Alegre

A ação é realizada em conjunto com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), parceira da Abiec no projeto.

Com o objetivo de reforçar a qualidade e segurança da carne brasileira, em um dos principais mercados para o produto nacional, a Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (Abiec) se prepara para participar novamente da Gulfood, uma das principais feiras de alimentos e bebidas do mundo, que acontece em Dubai, nos Emirados Árabes, de 21 a 25 fevereiro.

A ação é realizada em conjunto com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), parceira da Abiec no projeto Brazilian Beef e contará com a presença de 5 empresas associadas – Cooperfrigu, Marfrig, Mercúrio, Plena e Supremo.

Diferente dos anos anteriores, por conta das medidas de prevenção a pandemia de Covid-19, não será realizado a tradicional degustação do churrasco brasileiro. Ainda assim, o presidente da Abiec, Antônio Jorge Camardelli, reforça a importância da aproximação com esse mercado.

“A participação brasileira vai ser extremamente importante para reforçar todas as informações sobre a qualidade e segurança da carne brasileira em um mercado com importância significativa para o nosso setor”, explica.

As exportações brasileiras para os países árabes somaram 362,5 mil toneladas em 2020.Em faturamento, as vendas foram de US$ 1,3 bilhão. Esse mercado respondeu por 18% do volume exportado pelo Brasil em 2020 e 15% da receita total. 

Com informações da Abiec.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.