Grandes feiras do agro impulsionam mais de R$ 8 bi

PARTILHAR
Foto: Divulgação/Coopavel
Foto: Divulgação/Coopavel

Show Rural Coopavel e Expodireto Cotrijal comemoraram movimentação recorde na retomada dos eventos presenciais do agronegócio

Retomando as atividades presenciais depois de dois anos, e ainda sob os efeitos da pandemia, grandes feiras agropecuárias geraram negócios de R$ 8, bilhões entre o início de fevereiro e início de março. O valor considera os resultados do Show Rural Coopavel, em Cascavel (PR), e da Expodireto Cotrijal, em Não-me-toque (RS).

As cooperativas organizadoras dos dois eventos comemoraram resultados positivos, apesar do cenário de preocupação com altos custos de produção, escassez de insumos e com a oferta de crédito. Além disso, os estados do Sul sofreram com uma severa estiagem que levou a perdas de produtividade de soja e milho e a revisões das estimativas de safra na região e no Brasil.

Na sexta-fera (11/3), a Cotrijal informou que a Expodireto recebeu um público de 256 mil pessoas, 3% a mais que em 2020. A movimentação foi estimada em R$ 4,9 bilhões, aumento de 87% em comparação com a edição anterior, de dois ano atrás.

Os bancos registraram R$ 4,3 bilhões em negócios, enquanto que R$ 510 milhões foram com recursos próprios dos produtores são provenientes de recursos próprios. O Pavilhão Internacional movimentou R$ 62,6 milhões e o Pavilhão da Agricultura Familiar, R$ 1,7 milhão.

“A moeda do produtor é a soja. Como a soja dobrou de preço, os negócios à vista cresceram, embora o volume maior ainda tenha sido concretizado via bancos”, explicou, no comunicado da organização.

Até o momento, é o maior volume movimentado. No início de fevereiro, a Coopavel declarou uma estimativa de negócios de R$ 3,2 bilhões no Show Rural. O montante também supera o resultado da edição de 2020, quando foi divulgado um balanço de R$ 2,7 bilhões, e estabelece um novo recorde entre as 34 edições do evento, em Cascavel (PR).

Com o Brasil ainda sob a pandemia de Covid-19 e a necessidade de medidas sanitárias, a feira, realizada em Cascavel (PR), foi pensada para ser menor. Mas acabou superando o previsto. Segundo a Coopavel, o evento recebeu 285.212 mil pessoas entre os dias 7 e 11 de fevereiro. A expectativa inicial era de 150 mil circulando pelos estandes de 585 expositores.

“O que faltou em linhas de crédito oficiais, os bancos disponibilizaram linhas próprias. O produtor adquiriu tecnologia porque demonstrou-se que ele tem uma boa reserva”, avaliou, na época, Dilvo Grolli, presidente da Coopavel.

Fonte: Revista Globo Rural

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com