Indicador oscila com força, mas acumula queda na parcial deste mês

Indicador oscila com força, mas acumula queda na parcial deste mês

PARTILHAR
Foto: Confinamento Monte Alegre. (Reprodução: CompreRural)

Os valores do boi gordo têm oscilado com certa força neste início de outubro.

Segundo pesquisadores do Cepea, observa-se forte dispersão entre os preços mínimos e máximos levantados, o que está atrelado às diferentes condições dos negócios.

Enquanto alguns frigoríficos consultados pelo Cepea estão mais retraídos das aquisições, devido às escalas já preenchidas, outros, com mais necessidade, têm dificuldade de comprar novos lotes.

Pecuaristas, por sua vez, também estão resistentes em negociar nos preços mais baixos. Nesse cenário, no acumulado parcial de outubro (até o dia 10), o Indicador ESALQ/BM&FBovespa do boi gordo acumula baixa de 2,4%, fechando a R$ 148,05 nessa quarta-feira, 10.

Clique e saiba tudo sobre o mercado físico e mercado futuro do boi:

Fonte: Cepea

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com