JBS fecha planta frigorífica em Mato Grosso

JBS fecha planta frigorífica em Mato Grosso

PARTILHAR
frigorifico-jbs-divulgação
(Foto: JBS/Divulgação)

A informação foi confirmada por diversos funcionários da empresa, também pegos de surpresa com a notícia do fechamento da planta frigorífica

A direção da unidade ainda não deu detalhes sobre o fechamento da planta. Janeiro de 2021 começa com uma notícia nada agradável, é que o JBS comunicou nesta terça-feira (05), a seus mais de 200 funcionários que a unidade de Juína será fechada em definitivo. As atividades serão transferidas para a unidade de Brasnorte.

A informação foi confirmada na manhã desta terça-feira (05) ao Repórter em Ação por diversos funcionários da empresa, também pegos de surpresa com a notícia do fechamento da planta frigorífica. De acordo com esses funcionários, aos mesmos foi dada a opção de trabalhar na unidade de Brasnorte, caso queiram se mudar para a cidade vizinha.

A reportagem ainda não conseguiu contato com a empresa. Os pecuaristas podem até não ser prejudicados diretamente com o fechamento, já que na região existem outras 3 grandes plantas; em Juruena, Juara e Brasnorte. Além disso, em Juína está em funcionamento um frigorífico particular. O impacto maior é na geração de emprego.

O prefeito de Juína Paulo Veronese (PODE) lamentou a notícia, e disse através de sua assessoria de imprensa, que se reunirá com a gerência da empresa ainda hoje para discutir a situação.

JBS emite nota de esclarecimento

A JBS decidiu concentrar a produção de carne bovina das unidades de Juína e Brasnorte, em Mato Grosso. A unidade de Brasnorte, que iniciou operação em janeiro de 2020 e contou com mais de R$ 70 milhões em investimentos para aquisição e construção, é uma planta com equipamentos e fluxos de trabalho modernos, e tem capacidade para absorver todos os empregos e a produção da planta de Juína, que será descontinuada. A todos os cerca de 300 colaboradores de Juína foi oferecida a possibilidade de transferência para Brasnorte, que receberá investimentos para aumento da capacidade de produção, contará com escopo maior de atividades e, por consequência, vai gerar mais empregos na região. Como parte de seu compromisso com a manutenção da produção de alimentos, a JBS contratou, somente em 2020, mais de 12 mil novos colaboradores em todo o país.

Adaptado de Repórter em Ação

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com