Ladrão de gado é morto a tiros, veja abaixo!

Ladrão de gado é morto a tiros, veja abaixo!

PARTILHAR
ladrao de gado
Foto: Diulgação

Segundo as informações da polícia, o homem é suspeito de roubar gado e por isso acabou sendo assassinado em uma casa de show de cidade. Veja abaixo!

As informações são de que um homem, identificado como Alceu Basso, que era conhecido na região como Gaúcho, acabou sendo assassinado na noite da última segunda-feira,14, na cidade de Açailândia, no estado do Maranhão. O crime foi motivado por um furto de gado e aconteceu em uma casa de show!

Segundo informações da polícia, uma vítima após ser atingida morreu no local. Os suspeitos pelo homicídio de Gaúcho fugiram em seguida e ainda não foram convidados.

O crime está sendo investigado Polícia Civil e uma das linhas de investigação é que a motivação foi por acero de contas. De acordo com as informações policiais, Alceu tinha passagens pela polícia pelo crime de roubo de gado na região.

PM apreende adolescentes por furto de gado em fazenda

Polícia Militar prendeu um rapaz de 18 anos de idade e apreendeu uma adolescente de 15, por furto de gado em fazenda de Rio Verde de Mato Grosso (MS). O caso aconteceu na segunda-feira (14) em Coxim.

A Guarnição de Serviço da Força Tática foi acionada por um comunicante de 40 anos informando que duas pessoas estavam vendendo gado sem nota fiscal em uma fazenda próxima a cidade.

Os militares foram ao local e em contato com o comunicante, informou que havia detido um casal ao tentar vender três novilhas por R$ 2.000,00 cada cabeça. Os animais estavam presos no curral, aguardando o comprador. Ao entrar em contato com o proprietário da fazenda, informou que os suspeitos são funcionários dele mas teria dado autorização para a negociação.

Autor confessou aos policiais que estava tentando vender ilegalmente os gados para levantar um valor para dar entrada na compra de uma motocicleta. Ele também falou que a conversa sobre a negociação com um comprador estava salva no aplicativo de mensagem instantânea.

Diante dos fatos, foi dado voz de prisão aos autores e encaminhados para a delegacia de polícia para as demais providências.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com