Mercado do boi gordo firme no Norte e Nordeste

Mercado do boi gordo firme no Norte e Nordeste

PARTILHAR
Foto: Confinamento Monte Alegre. (Reprodução: CompreRural)

Mercado do boi gordo pouco movimentado na última sexta-feira (26/7), com a maior parte das praças com preços estáveis. 

Em algumas regiões, devido à maior oferta de animais confinados, as indústrias preencheram as programações de abate ao longo da semana e aproveitaram o momento para entrar nas compras ofertando preços abaixo das referências. 

Como foi o caso de Minas Gerais, onde as regiões de Belo Horizonte e Norte do estado tiveram queda de 0,5%, na média das praças, na comparação dia a dia. 

Por outro lado, em alguns estados da região Norte e Nordeste do país, os frigoríficos encontram dificuldade de comprar matéria-prima e a semana fechou com pressão de alta sobre as cotações. 

Em Redenção-PA, o boi gordo valorizou R$0,50/@ frente ao último levantamento. 

Em São Paulo os preços se mantiveram estáveis, e a média das escalas de abate gira em torno de seis dias. Algumas indústrias que estão com programações acima da média saíram das compras hoje.

Fonte: Scot Consultoria

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com