Mercado do boi gordo pressionado

Mercado do boi gordo pressionado

PARTILHAR
Foto: Confinamento Monte Alegre. (Reprodução: CompreRural)

No fechamento da última terça-feira (16/10) foram registradas nove quedas nos preços da arroba do boi gordo.

A única alta foi no Rio de Janeiro, onde a oferta restrita de boiadas dificulta a compra de matéria-prima pelas indústrias. A arroba valorizou R$1,00 na comparação diária no estado e as escalas de abate giram em torno de três dias.

Cenário oposto ao de Mato Grosso do Sul, onde a maior oferta de animais confinados pressiona as cotações para baixo. Na média de todas as praças do estado a arroba caiu 0,5% frente ao último levantamento (15/10).

Em São Paulo, a cotação permanece estável, em R$151,00/@, a prazo, livre de Funrural, e as escalas de abate giram em torno de seis dias.

A margem de comercialização das indústrias que fazem a desossa está em 19,8%. Devido ao consumo calmo, a fim de regular estoques, foram registrados frigoríficos fora das compras no dia 16/10.

Fonte: Scot Consultoria

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com