Mercado do boi gordo resistindo às altas

Mercado do boi gordo resistindo às altas

PARTILHAR
Foto: Confinamento Monte Alegre. (Reprodução: CompreRural)

Mesmo com o feriado nesta quinta-feira (15/11) e o período de primeira quinzena do mês, fatores que normalmente resultam em aumento da demanda, até o momento este movimento tem sido mais tímido.

Em algumas regiões as indústrias conseguiram alongar as programações de abate com boiadas de confinamento e, com as programações de abate preenchidas, as empresas mantêm as ofertas de compra nos mesmos patamares ou ofertam preços menores pela arroba.

Já os frigoríficos que estão com escalas de abate mais curtas ofertam preços maiores, porém, de maneira gradativa, alinhando a oferta à demanda vigente, que está patinando. Nestas regiões, a oferta de animais terminados está menor e, mesmo com o lento escoamento, as indústrias têm de ofertar preços maiores.

No mercado atacadista de carne bovina com osso, o boi casado de animais castrados ficou cotado, em média, em R$9,96/kg (13/11), estabilidade frente ao fechamento do dia anterior.

Fonte: Scot Consultoria

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com