Mercado do boi: Oferta curta e pecuarista à espera de preços maiores

Mercado do boi: Oferta curta e pecuarista à espera de preços maiores

PARTILHAR
Foto: Confinamento Monte Alegre. (Reprodução: CompreRural)

Mercado do boi gordo calmo na última terça-feira (27/2).

Por um lado, a demanda está lenta, o que não faz com que as indústrias aumentem as ofertas de compra, mesmo com a proximidade da virada de mês.

Do outro lado, os pecuaristas podem segurar as boiadas, devido à capacidade de suporte do período de chuvas.

Isto impede que a pressão de baixa, testada por frigoríficos com programações maiores, seja efetiva.

No mercado atacadista de carne com osso não houve alterações. Embora o cenário da demanda esteja calmo, a virada de mês deve gerar melhoria no curto prazo.

Com isto, o mercado deve ser definido pelo equilíbrio entre a retenção de boiadas e a maior necessidade de produção com o início de mês.

As informações são da Scot Consultoria

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com