Milho/Cepea: indicador se aproxima de novo recorde

PARTILHAR
Produtores de milho devem adotar cuidados para controle de doença nas lavouras
Foto: Divulgação

De acordo com pesquisadores do Cepea, no Sudeste e no Sul do País, produtores estão à espera de novas valorizações, fundamentados na baixa disponibilidade.

Os preços do milho seguem em alta em todas as regiões acompanhadas pelo Cepea. Em Campinas (SP), o Indicador ESALQ/BM&FBovespa registra elevação de 7,4% na parcial de março (até o dia 12), fechando a R$ 91,73/saca de 60 kg na sexta-feira, 12 – próximo ao recorde real verificado em 30 de novembro de 2007 e agora atualizado para R$ 92,33/sc.

No geral, os valores têm sido sustentados pela retração de vendedores. De acordo com pesquisadores do Cepea, no Sudeste e no Sul do País, produtores estão à espera de novas valorizações, fundamentados na baixa disponibilidade, e, no Centro-Oeste, muitos agricultores estão concentrados na colheita da safra verão e/ou na semeadura da segunda safra. Compradores, por sua vez, mostram dificuldades na recomposição de estoques.

Fonte: Cepea

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.