Morre uma das lendas do Margalarga Machador

Morre uma das lendas do Margalarga Machador

PARTILHAR

Edgard Lôbo iniciou seu criatório de Mangalarga Machador no município de Iguaí Bahia; Ele faleceu aos 83 anos, uma das lendas do Mangalarga Machador.

Morreu aos 83 anos a lenda do cavalo Mangalarga Machador na Bahia, o senhor Edgar Logo. Ele tinha o seu haras na cidade de Iguaí, sudoeste da Bahia, uma referência do Mangalarga no seguimento da macha picada.

Na década de 60, Edgard Lôbo iniciou seu criatório de Mangalarga Machador no município de Iguaí Bahia, com a ajuda de sua esposa Zaidy Chequer Freire Lôbo (in memoriam). Foi criado, então, o Haras Bom Sossego. Com sua vida dedicada aos cavalos Edgard Lôbo contou também com a ajuda de seus filhos e netos tornando-se, assim um referencial e um dos maiores criadores da região.

Edgard de Cerqueira Lôbo nasceu a 29 de maio de 1937, em Nova Laje, Bahia. Um dos filhos da tradicional família Lôbo, criadora de bovinos e equinos nos municípios de Santo Antônio de Jesus, Ubaíra, Jequié, Nova Canaã e Iguaí, Edgard tem, desde a primeira infância, um contato íntimo com o cavalo.

Aos três anos de idade, percorreu, no dorso de um cavalo, a distância de 300 quilômetros, viajando, juntamente com sua família, de Santo Antônio de Jesus a Iguaí, onde fixou residência.

Esse contato com o cavalo se manteve em sua infância, nas idas para a escola, nas compras na cidade e no convívio com os trabalhadores da fazenda do pai. Prosseguiu, na adolescência, nas montarias, vaquejadas, passeios e domas de animais bravios.

Fonte: Blogdosena

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com