Nelore Qualitas promove encontro com parceiros

Nelore Qualitas promove encontro com parceiros

PARTILHAR
Foto: Divulgação

Programa Nelore Qualitas de Melhoramento Genético promoveu semana de atualização técnica com parceiros no último mês de setembro.

De 3 a 6 de setembro de 2019 o Programa Nelore Qualitas de Melhoramento Genético reuniu seus parceiros para uma jornada que se repete a 18 anos. Nesse encontro puderam visitar várias centrais de inseminação e apresentar os melhores touros do programa. Animais que foram avaliados visualmente para características funcionais de importância econômica pela equipe do Qualitas, e sugeridos e para utilização de sêmen na Estação de Monta 2019/2020.

O grupo também foi recebido por Luciano Borges e sua equipe no Rancho da Matinha, que falou sobre a história da fazenda e de sua experiência com a avaliação de eficiência alimentar desde 2011. Foram verificados um grupo de machos que estavam em fase de adaptação para o início de um teste de eficiência alimentar, bezerras selecionadas para serem expostas à reprodução aos 14 meses de idade, um grupo de primíparas que emprenharam aos 14 meses e várias bezerras que seriam comercializadas no próximo leilão da fazenda.

Foto: Divulgação

Alguns destaques da semana Nelore Qualitas

Maurício Borges da Progênie apresentou o novo sistema de acasalamentos via web, que permite ao pecuarista realizar os próprios acasalamentos definindo inúmeros parâmetros de acordo com os objetivos de seleção que ele considerar importantes para o seu rebanho. A Progênie desde 2001 é a empresa que realiza os acasalamentos dos rebanhos participantes do Qualitas promovendo a maximização do ganho genético, a melhoria das características morfológicas e o controle da endogamia.

Bruno Santos da Abacusbio da Nova Zelândia palestrou sobre utilização de índices bioeconômicos na seleção de bovinos de corte e como a sua empresa tem atuado nesta área contribuindo para a definição de objetivos de criação e índices de seleção para diversos criadores e raças em vários países do mundo.

Foto: Divulgação

Marcos Paulo Curvello Gonçalves da Zoetis, empresa parceira do Qualitas a vários anos e que, entre outros atributos, é responsável pelo protocolo sanitário dos touros participantes do Teste de Eficiência Alimentar palestrou sobre os diferentes tipos de protocolos sanitários recomendados pela empresa para animais em confinamento.

Cláudio Rodrigues da Champion Saúde Animal nova parceira do Qualitas apresentou a história e a proposta da empresa para contribuir com a melhoria da saúde dos rebanhos, oferecendo atendimento diferenciado aos parceiros do programa.

Foto: Divulgação

Leonardo Nishimoto Souza, diretor da Qualitas apresentou dados de dois textos que ele escreveu: Quer ganhar dinheiro com boi? Epílogo…Quanto sobrou de dinheiro por boi; e Novilhas de cruzamento industrial são mais gulosas que as Nelore? Em seguida apresentou um protocolo reprodutivo para a próxima estação de monta que foi criado pelo Médico Veterinário José Henrique Tanner que também é um dos parceiros do Qualitas.

O protocolo consiste em fazer duas IATFs e intercalar o repasse com touros:

  • 1ª IATF;
  • Colocar touros após 5 dias da 1ª IATF – 1 touro para 15 vacas;
  • Diagnóstico de gestação 30 dias após a 1ª IATF e ressincronização somente das fêmeas com folículos nos ovários;
  • Aparte das fêmeas prenhes e com corpo lúteo nos ovários. Manter touros neste lote – 1 touro para 30 vacas;
  • Colocar touros após 5 dias da 2ª IATF – 1 touro para 15 vacas;
  • Retirar todos os touros após 23 dias da 2ª IATF;
  • 64 dias de Estação de Monta.

Este protocolo que foi comprovado na Barra do Prata Agropecuária corrige um problema da utilização de IATFs consecutivas que é a perda do cio de retorno após a IATF. Com o repasse intermediário com touros estes cios não são perdidos, aumentando a taxa de prenhez e permitindo a redução da estação de monta para 64 dias.

Foto: Divulgação

Antônio Chaker da Inttegra e Micheline Braga da Otimiza apresentaram o benchmarking de 5 fazendas participantes do Nelore Qualitas – Agropontieri, Junqueira Franco Agropecuária, Faz. Mata Verde, Fazenda Nossa Senhora Aparecida II e Faz. Santa Rita da Aldeia. Os dados mostraram que os 4 indicadores que tiveram maior impacto na lucratividade das fazendas avaliadas foram:

  • Lucro por @;
  • % dos gastos com mão de obra em relação ao faturamento;
  • Margem sobre vendas;
  • Ganho de peso médio diário.

A mensagem que eles deixaram para os participantes foi de produzir com mais resultado e para isso recomendou fazer o que é básico bem feito, com mais eficiência, menos desperdício e com foco na margem sobre vendas (utilizar com mais eficiência os recursos financeiros).

Neste dia de confraternização foram servidos no almoço hambúrgueres da Bonsmara JC do nosso parceiro Cacau Miranda, preparados pelos nossos amigos churrasqueiros Marcos Braga e Hugão que também assaram linguiças e shortrib também da Bonsmara JC no jantar, regado a chope artesanal e muita amizade.

O Nelore Qualitas deverá fechar o ano com 50 fazendas parceiras e 40.000 vacas em avaliação genética.

No dia 6 de setembro, a compromisso foi na Central Bela Vista onde foram apresentados os 17 touros selecionados para o Teste de Progênie Nelore Qualitas 2019. A cada ano ficamos mais impressionados com a evolução na qualidade dos animais. Na avaliação final haviam 38 touros excelentes, mas como não podemos testar todos os touros selecionamos 17 touros que terão o sêmen coletado e distribuído entre os parceiros do Nelore Qualitas. A confiança nestes animais é tão grande que no ano passado foram distribuídas 10.311 doses de sêmen dos touros jovens. Número que deve ser superado este ano.

Comemorou-se também a identificação do touro Qualitas Royal produzido pela Barra do Prata Agropecuária que tem como sócio proprietário a Faz. Santana do Arvoredo. Ele apresentou a impressionante conversão alimentar de 3,156 Kg, sendo o touro com a melhor eficiência alimentar já identificada no Nelore Qualitas. Quando considerados os dados de ultrassonografia de carcaça coletados pela AVAL para a projeção de rendimento de carcaça mais os dados de desempenho, consumo e R$ 0,70 por quilo de matéria seca consumida. O Qualitas Royal produziu uma arroba no confinamento por R$ 63,41.

E assim finalizamos a semana mais importante do ano para o Nelore Qualitas agradecendo a todos os criadores participantes.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com