Oferta restrita pressiona, exportação aumenta e mercado do boi ganha força

Oferta restrita pressiona, exportação aumenta e mercado do boi ganha força

PARTILHAR
Foto: Confinamento Monte Alegre. (Reprodução: CompreRural)

Início de mês, com feriado na próxima sexta-feira (7/9) e oferta restrita, não há espaço para a cotação do boi gordo cair.

Em São Paulo, por exemplo, o boi gordo subiu 1,4% nos últimos sete dias e está cotado, em média, em R$147,00/@, à vista, livre de Funrural. Há negócios ocorrendo acima desse patamar.

Nesse mesmo período, o mercado atacadista de carne bovina com osso também teve alta, o que colabora com a firmeza para o boi gordo. O boi casado de animais castrados está cotado, em média, em R$9,57/kg, alta de 2,0% em uma semana.

Além dos pontos já mencionados, a exportação é outro fator que tem colaborado com o escoamento da carne bovina, mesmo que em menor volume frente ao mercado doméstico.

No fechamento de agosto, o país embarcou 144,42 mil toneladas, volume recorde. Na comparação anual, houve alta de 17,3%, já frente ao mês anterior o volume exportado foi 10,4% maior.

Fonte: Scot Consultoria

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com