Paulo Emílio vai vender sua tropa de touros; e agora?

Paulo Emílio vai vender sua tropa de touros; e agora?

PARTILHAR
mexicano touro da tropa cia paulo emilio
Foto: Marcio Munhoz

A Cia de Rodeio Paulo Emílio, colocará à venda seus principais animais em leilão virtual no dia 28 de março pelo canal do Jovens Touros no Youtube.

Com uma história vitoriosa dentro do rodeio brasileiros, desde o seu surgimento no final dos anos oitenta, a Cia Paulo Emílio sempre esteve na no topo, tendo em seu plantel, animais como Agressivo, Bipolar, o lendário touro Bandido entre tantos outros animais. Em razão dos protocolos de segurança do COVID19, do avanço da pandemia e os planos de contenção do estado de São Paulo, não será possível realizar o leilão presencialmente e agora o leilão será 100% virtual. Inicialmente o leilão tinha sido marcado para dia 06 de fevereiro, mas cancelado devido ao avanço da pandemia.

A Cia Paulo Emílio, disponibilizará para a venda, todos principais animais do plantel atual como, Mexicano, Briga de Galo, Trem Fantasma, Extremo, Patrão, entre outros, ao todo serão quarenta animais da cabeceira da boiada.

A Cia Paulo Emílio vai parar? A resposta é: NÃO. Será apenas um recomeço e, uma guinada no foco da Cia que passará a usar aquilo que ela já tem, que são animais oriundos de genética.

E será também uma oportunidade única para as boiadas terem em sem plantel pelo menos um animal da Cia Paulo Emílio.

“Estamos a mais de dez anos trabalhando na genética e já temos animais fazendo sucesso nas arenas, como “Não Me Rele e Cara Metade, por exemplo que estarão à venda no leilão” Explica Paulo Emílio “Com esse pelotão de frente de animais que tínhamos a disposição, e vamos colocando à venda agora, acabávamos não utilizando tanto estes animais de genética, e chegou a hora de mostrar o potencial destes animais na arena”

“Além disso, vamos estar dando a oportunidade para algumas companhias de rodeio terem em seu plantel, tanto para pulo, como também para utilizar na genética, touros já consagrados e totalmente testados nos melhores rodeios do Brasil, com os melhores competidores” Lembra Paulo “Cada boiada tem um porte, um plantel, mas acredito que em algumas companhias, um ou dois animais que estamos colocando a venda podem mudar a competitividade da boiada durante os eventos, elevar o nível, além de conquistar mais títulos e fivelas nos rodeios”

“Outro fator importante serão as condições de parcelamento, já que no momento os eventos estão parados, porém, o criador terá tempo suficiente (*doze meses) para pagar o investimento até o retorno dos rodeios” Explica Paulo Emílio “Único animal que não será 100% à venda será o Extremo, animal miura, que não tive oportunidade de coletar a genética dele, por isso, venderei apenas 50% no leilão”

“E após o leilão, posso garantir que estamos preparados para essa nova fase, aos fãs da boiada, podem ficar tranquilos que estaremos de volta com a mesma qualidade que a Cia Paulo Emílio sempre teve, e claro, vamos dar a chances desses touros que estarão crescendo e sendo inseridos no mercado de pulos brilharem nas arenas dos rodeios do Brasil”

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.