Polícia identifica novos roubos de gado em Goiás

Polícia identifica novos roubos de gado em Goiás

PARTILHAR
caminhao boiadeiro
Foto Divulgação.

O roubo de animais está se tornando prática corriqueira no campo, quando será tomada alguma medida?

A Polícia Civil, através da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Rurais, em continuidade às investigações que lavaram à prisão em flagrante de membros de uma quadrilha com dois caminhões contendo 42 cabeças de gado, no dia 15 de março de 2018, na cidade de Goianésia (GO), conseguiu identificar mais dois roubos a mão armada praticados pelo bando.

De acordo com o delegado Glaydson Divino Carvalho, um dos crimes foi praticado na Fazenda Progresso, em Goianésia, no dia 14 de março de 2018, de onde foram subtraídas 60 vacas, as quais foram abatidas em um frigorífico na cidade de Hidrolândia.

O outro delito aconteceu na Fazenda Marajá, no município de Padre Bernardo, de onde os criminosos subtraíram 38 garrotes, os quais acabaram sendo recuperados e restituídos ao legítimo proprietário.

Os integrantes desta quadrilha são das cidades de Pirenópolis, Inhumas e Jaraguá. Com a sequência das investigações, a equipe da Delegacia de Repressão a Crimes Rurais já totaliza 140 cabeças de gado recuperadas nesse ano de 2018.

Com informações de O Anápolis.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com