Possível menor demanda externa preocupa agentes; preços recuam

Possível menor demanda externa preocupa agentes; preços recuam

PARTILHAR

Já compradores domésticos se retraíram nas aquisições de novos lotes, à espera de preços menores no primeiro trimestre do próximo ano.

Com a trégua comercial entre os Estados Unidos e a China, a demanda externa pelo produto nacional pode diminuir, porque o país asiático pode voltar a importar maiores volumes dos EUA.

Segundo pesquisadores do Cepea, essa possibilidade de redução mais acentuada das vendas externas de soja preocupa o produtor brasileiro, que está prestes a colher uma safra volumosa.

Já compradores domésticos se retraíram nas aquisições de novos lotes, à espera de preços menores no primeiro trimestre do próximo ano.

Com isso, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa da soja Paranaguá (PR) registrou queda de 0,82% entre 30 de novembro e 7 de dezembro, indo para R$ 82,10/saca de 60 kg nessa sexta-feira.

No mesmo comparativo, o Indicador CEPEA/ESALQ Paraná recuou 1,68%, a R$ 76,53/sc de 60 kg.

Fonte: Cepea

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com