Prejuízos por conta da greve podem ter reflexos no médio prazo

Prejuízos por conta da greve podem ter reflexos no médio prazo

PARTILHAR
Mercado-Aves-e-suínos
Foto: Divulgação

A paralisação dos caminhoneiros vem prejudicando significativamente a avicultura de postura.

Com o bloqueio de muitas rodovias, produtores de ovos consultados pelo Cepea não têm recebido os principais insumos utilizados para o andamento das atividades, como ração e embalagens, e não têm conseguido escoar a mercadoria.

Os prejuízos acumulados ao longo desses dias de greve podem, inclusive, ter seus reflexos estendidos para o médio prazo.

Isso porque a falta de ração nas granjas levou à perda de poedeiras, o que tende a reduzir a oferta de ovos nos próximos ciclos de produção – novos lotes de pintainhas levariam cerca de 20 semanas para começar a botar ovos comerciais.

Vale ressaltar que, antes da paralisação, o setor já vinha adotando medidas para controlar a oferta de ovos.

Fonte: Cepea

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com