Produtores afirmam perdas maiores na safra do milho

PARTILHAR
lavoura de milho secando devido estiagem no sul
Foto: Divulgação

Segundo dados do IMEA, cerca de 45% do plantio ocorreu fora da janela (em função do atraso na colheita de soja), além disso, choveu pouco no mês de abril.

As estimativas do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (IMEA) apontam perda na produtividade de aproximadamente 7% nesta safra de milho. Já o AgroConsult estima menos 14%. Porém, de acordo com o presidente da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja MT), Fernando Cadore, o sentimento dos produtores é outro. “Ficará superior a 20%”, avalia.

Isso porque, segundo dados do IMEA, cerca de 45% do plantio ocorreu fora da janela (em função do atraso na colheita de soja), além disso, choveu pouco no mês de abril.

“A estimativa é que a queda seja maior do que o mercado tem apontado. Nós acreditamos numa perda de produtividade superior a 20%, devido vários fatores, principalmente falta de chuva somada ao plantio fora da janela ideal. Esse é o nosso sentimento” pontuou Fernando Cadore que é produtor em Primavera do Leste e Paranatinga.

Segundo o presidente da Aprosoja MT, os produtores têm observado, recebido relatos e ido a campo inspecionar as lavouras de milho.

“É extremamente preocupante a segunda safra no estado e os números divulgados do mercado não condizem com a realidade no campo, a situação é bem pior do que estamos vendo nas estimativas de produção”, finalizou Cadore.

Fonte: Aprosoja-MT

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com